Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Pitty e Anitta falam sobre debate em gravação do 'Altas Horas'

Pitty diz que não está 'aqui para brigar com mulher' e esclarece confusão com Anitta na gravação do 'Altas Horas', da Globo

CARAS Digital Publicado em 04/12/2014, às 13h01 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Pitty e Anitta - Reprodução
Pitty e Anitta - Reprodução

Atualizada às 14h30

Diferente dos boatos, Pitty e Anitta negam que tenham brigado durante a gravação do porgrama Altas Horas que vai ao ar no próximo sábado, 6. As duas cantoras teriam discutido depois que Anitta fez um comentário criticando a postura de mulheres que 'dão muito em cima dos homens' e os 'homens acham não acham legal'. Pitty não concordou com a opinião da colega e defendeu uma postura feminista afirmando que os homens que estão errados, pois 'eles não têm que achar nada'. 

O desentendimento entre elas teria causado um clima estranho na gravação, mas Pitty negou. "Sinto decepcionar os urubus, mas não houve "briga" alguma. Discordamos, debatemos, conversamos. E isso é bom. E outra, não to aqui pra brigar com mulher. tô aqui é pra brigar com o sistema que faz com que algumas reproduzam discurso machista sem saber. Ani, chama as amiga e vamo trocar mais ideias. <3", publicou a cantora no Twitter, nesta quinta-feira, 4.

Anitta já tinha falado sobre o assunto na rede social na noite anterior. "Pronto, lá vem novamente a galera me atacar por coisas que não existe. Galera, aprendam uma coisa. Nem tudo que vocês lêem em sites é exatamente como está ali. Me dê 5 frases e eu posso fazer delas 500 histórias complemente diferentes umas das outras", afirmou ela, que voltou a comentar o assunto depois do pronunciamento de Pitty. 

"Engraçado que em nenhuma das matérias que saíram agora explicando que não houve briga se explicou que minhas falas foram todas distorcidas. Eu seria a pessoa mais hipócrita do mundo de fazer uma coisa e dar discurso falando outra. Comentei a reação do homem diante do comportamento da mulher atual. Não disse que acho correto o homem fazer e acontecer e mulher não poder. Já dei entrevista falando isso e não deu metade da repercussão que esse jogo de palavras totalmente diferente da outra tá dando agora. Eu posso não gostar do comportamento X e preferir o Y ou vice versa. Mas todos têm direito de ter o comportamento que quiser. Desde que respeite o outro. E não deve ser desrespeitado por isso. Brigar com o outro por não ter opinião ou comportamento idênticos aos seus é o comportamento mais primitivo que eu conheço. Gostar de quem não tem opinião ou de quem concorda com tudo que você diz é muito fácil e preguiçoso. O desafio mesmo é respeitar e aceitar alguém mesmo que não seja do seu gosto", falou Anitta.

Danielle Winits, Jaque Carvalho, Maria Casadevall, Fernanda Paes Leme e Marjorie Estian também participaram da gravação do programa, que teve a plateia formada apenas por homens.