Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Música / VILÃ

O que aconteceu com Ludmilla? Cantora explica polêmica envolvendo R$ 5 milhões e nome do novo álbum

No Twitter, Ludmilla negou que esteja envolvida com o dinheiro e aproveitou para divulgar projeto que chega dia 24 deste mês

CARAS Digital Publicado em 14/03/2023, às 09h30

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
A cantora Ludmilla na divulgação de seu novo álbum, Vilã - Foto: Reprodução/Instagram @ludmilla
A cantora Ludmilla na divulgação de seu novo álbum, Vilã - Foto: Reprodução/Instagram @ludmilla

Em ritmo de um novo lançamento, a cantora Ludmilla (27) usou as redes sociais na noite desta segunda-feira, 13, para esclarecer uma polêmica e ainda explicar o nome do álbum que chega as plataformas de streaming no dia 24 de março. "Sempre dão um jeito de querer me pintar como vilã, pois agora serei uma!", escreveu, em seu Twitter.

Tudo começou quando o deputado federal de São Paulo Mario Frias (51) compartilhou uma imagem falando sobre a captação de dinheiro para a produção de um programa televisivo que supostamente seria ligado à artista. "Quase R$ 5 milhões aprovados para captação para produção de um programa a ser apresentado em televisão, baseado na história da cantora Ludmilla e apresentado por ela."

A imagem compartilhada pelo político consistia em uma montagem da cantora ao lado de Luiz Inácio Lula da Silva (77), com uma manchete sobre o apoio que a artista deu à campanha eleitoral do presidente eleito. Abaixo, havia uma foto do Diário Oficial, mostrando informações sobre o programa de televisão intitulado provisóriamente como Ludmilla, Solta a Batida.

Em resposta ao tuíte, Ludmilla divulgou seu novo álbum, Vilã, e ainda afirmou que pessoas desinformadas e mal-intencionadas já estavam "aquecendo o tema" para ela. "Entenderam agora o título do meu álbum?", pontuou ainda a artista, que apagou todas as fotos de seu Instagram para a divulgação do novo projeto.

Na sequência, a artista ainda explicou que não tem nenhum tipo de ligação com o projeto e anexou uma nota da produtora responsável pelo programa, a Filmes do Equador. "Brincadeiras à parte, o projeto existe, mas não tenho qualquer vínculo com o mesmo. Abaixo segue um documento da produtora responsável pelo projeto, explicando o que originou o mal entendido."

A nota diz que o projeto inicialmente foi pensado para Ludmilla, tendo sido convidada para fazer parte do elenco no ano de 2020. Porém, algum tempo depois a cantora declinou o convite por direcionamentos de carreira. Quanto ao título Ludmilla, Solta a Batida, a produtora explica que ele só poderá ser mudado na ANCINE após a realização do projeto, que deve acontecer em 2024.

"A mesma [Ludmilla] não participará do programa e nem está envolvida na captação de verba para realização do mesmo, que vai contar, na realidade, com a apresentação de outro talento", diz o texto. "Por conta das regras da agência, o nome do projeto só pode ser mudado após a realização do mesmo, que deve realizar-se em 2024." 

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!