Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Mick Jagger passeia no parque com Lucas, seu filho com Luciana Gimenez

“Eu amo cuidar dos meus filhos. Estar sempre com eles e apoiá- los é muito importante”, disse ele, que tem sete herdeiros

CARAS Digital Publicado em 15/08/2014, às 11h15 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Mick Jagger e Lucas - AKM-GSI
Mick Jagger e Lucas - AKM-GSI

Antes de voltar à estrada para a etapa europeia da turnê 14 on Fire com o Rolling Stones, Mick Jagger (71) curtiu dias com o caçula, Lucas Maurice Morad Jagger (15), em Nova York. O rockstar levou o herdeiro, da relação com a ex, a apresentadora Luciana Gimenez (44), a um parque da cidade.  Enquanto o garoto usou um look despojado, composto por bermuda e camiseta da seleção italiana, o músico mostrou ser um britânico nato, com estilo clássico, e optou por calça de sarja, camisa e jaqueta. Pai e filho mostraram afinidade jogando bola, sendo que o  futebol é uma paixão assumida do ídolo inglês, que parece ser compartilhada com o garoto. “Eu amo cuidar dos meus filhos. Estar sempre com eles e apoiá- los é muito importante”, costuma dizer o pai de Karis (43), Jade (42), Elizabeth (30), James (28), Georgia (22) e Gabriel (17), de relações anteriores.  Em meio a agenda atribulada de shows, Mick fez questão de voar para o Brasil para acompanhar a Copa do Mundo e ficou hospedado na casa de Luciana, em São Paulo, enquanto ela viajava pelos Estados Unidos. Para retribuir a atenciosa estada, o cantor ofereceu um jantar especial, em NY, para Lucas, uma amiga dele e os três filhos de Marcelo de Carvalho (53), VP e sócio da RedeTV! e marido da estrela, Manoela (15) e os gêmeos Marco e Marcela (13). A família tem sido um importante alicerce para Mick Jagger se apoiar no difícil momento que atravessa, após a morte de sua companheira de 13 anos, a estilista norte-americana L’Wren Scott, que se suicidou em março, aos 49 anos. “Estou bem. Foi difícil e ainda é muito duro lidar com isso. Os amigos e a família são importantes nessas horas. Voltei ao trabalho com a turnê com o Rolling Stones, além de trabalhar em Get On Up, um grande filme”, declarou ele, recentemente, referindo-se à sua participação como produtor-executivo na cinebiografia do cantorJames Brown (1933–2006).