Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

'A música sertaneja soube entender as mudanças do Brasil', diz Michel Teló

Prestes a estrear como jurado do 'The Voice Brasil', o cantor volta às raízes na gravação do DVD 'Baile do Teló'

Kellen Rodrigues Publicado em 31/08/2015, às 14h10 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Michel Teló - Fernando Hiro/Divulgação
Michel Teló - Fernando Hiro/Divulgação

Prestes a estrear como jurado no The Voice Brasil, da Globo, o cantorMichel Teló decidiu voltar às suas raízes e relembrar seu início na música - 22 anos atrás. Na gravação de seu novo DVD, batizado de Bailão do Teló, ele mostrará ao público o clima nos bailões de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, onde começou a carreira e integrou durante 15 anos o Grupo Tradição.

"Eu queria retornar ao que me formou como artista", disse o cantor à CARAS Digital. O DVD terá 15 músicas inéditas e participações especiais de Breno e Caio César (os companheiros de Tradição) e Seu Jorge, cantando a música Diz Aí, Teló.

A gravação será na quarta-feira, 2, no Espaço das Américas, em São Paulo.

Confira o bate-papo com o cantor!

- Por que você decidiu "retornar às raízes" neste DVD? Como surgiu a ideia?
Eu queria retornar ao que me formou como artista, que foram os bailões típicos de Campo Grande, onde eu cresci e onde eu cantava desde os 12 anos de idade. Foi moldado nesses shows que não tinham hora para acabar e que o único objetivo é levar alegria para as pessoas. Tive a ideia junto com a minha equipe e achamos que seria ótimo mostrar o que eu realmente gosto de fazer, colocar o público para festar.

- Como foi a escolha do repertório??
Durante muito tempo estava recebendo algumas músicas, contatando alguns compositores e escolhendo algumas canções. Nesse DVD serão 15 músicas inéditas, mas todas as elas já estão em uma playlist no meu canal no Youtube para o público já ir conhecendo.

- Você convidou seus ex-parceiros do Tradição. Como será esse momento?
Espero que seja memorável. Estou muito feliz que eles toparam participar. Vamos cantar juntos a música “Prá que rumo que nois vai”. Acho que será um grande encontro.

- Aliás, desde a sua saída você sempre manteve um bom relacionamento com o pessoal do grupo? 
Sim, sempre. Nos encontramos várias vezes pelas estradas, já cantei com eles de novo. Somos bem amigos. Não guardamos mágoa nenhuma, a decisão de sair foi muito bem pensada, planejada, nada de brigas ou diferenças.

- Como pretende conciliar a divulgação do DVD, shows, etc com o 'The Voice Brasil'?
A gravaçao do DVD será agora em setembro, até sair o álbum ainda tenho um tempo. Será mais corrido, mas a gente consegue conciliar as agendas. É uma oportunidade incrível para mim.

- Como você avalia o mercado sertanejo nesse momento? 
Eu vejo um futuro muito promissor para a música sertaneja. Ela soube entender as mudanças no Brasil, quando deixou de ser rural para ser urbano, soube evoluir, se modificar e seguir as mudanças do mundo. Hoje leva o mercado muito a sério e tenho certeza que será assim por muito tempo.