Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Melanie C abre o coração: "Sempre serei uma Spice Girl e me orgulho disso"

A cantora ainda falou sobre empoderamento feminino e explicou por que não mostra o rosto na capa de seu novo álbum 'Version of Me'

CARAS Digital Publicado em 26/06/2017, às 15h13

Melanie C - Marcos Ribas/Brazil News
Melanie C - Marcos Ribas/Brazil News

No Brasil pela primeira vez após 20 anos, Melanie C vem cumprindo uma agenda intensa de divulgação de seu novo álbum Version of Me, além de participar de vários encontros com fãs. Com fala calma e jeito doce, ela não se esquiva em falar sobre o período em que foi fenômeno com o grupo Spice Girls.

"Eu acho que como artista sou muito sortuda por ter uma carreira longa. É difícil. Eu sou muito abençoada porque saí das Spice Girls e pessoas continuaram interessadas em mim", disse em coletiva de imprensa em São Paulo. Segundo ela, hoje em dia com as redes sociais é mais fácil manter um contato e estar mais próxima aos fãs do que no auge da banda.

Questionada sobre a influência das Spice para o empoderamento feminino - a banda formada por ela, Geri, Mel B, Emma e Victoria se tornou símbolo do girl power nos anos 1990 - Mel disse que é comum depoimentos de mulheres de várias idades, mesmo as que eram muito jovens na época. "Eu ouço muito que as Spice Girls influenciaram, deram confiança para serem elas mesmas e isso me orgulha muito", contou. "Naquela época nós não tínhamos tanta ideia, nós estávamos apenas nos expressando", confessou.

Ela afirmou que hoje em dia se sente mais segura e mais sábia em sua carreira e não se arrepende por ter deixado as Spice porque considera que tudo aconteceu no momento certo. "Foi um período incrível na minha vida. Tudo tem seu ponto positivo e negativo. Mas era exaustivo, muitas viagens, saudade da família", admitiu. "Eu sempre serei uma Spice Girl, sempre sentirei orgulho disso", disse.

A cantora explicou ainda o motivo de mostrar a tatuagem de cruz no braço em vez do rosto na capa de Version of Me. "Desde a época das Spice Girls, as pessoas me reconhecem pelas tatuagens. Mas acho que estou mais introspectiva agora".

Ela também falou que pretende voltar em breve ao Brasil e disse que quer conhecer mais artistas brasileiros. "Eu prometo que não vou levar 20 anos de novo".