Lilian abre o coração após 'The Voice Brasil': "Meu sonho é ter uma música em novela"

Lilian
Lilian Alice Venturi/Divulgação


A cantora do time de Claudia Leitte avalia sua participação no programa e conta como o filme 'Lua de Cristal' influenciou sua vida: "É a minha história"

Lilian era uma garotinha de apenas seis anos quando assistiu no cinema a história de uma jovem do interior que vai para a capital em busca do sonho de ser cantora. Pareceu familiar? Ela, assim como muitas crianças na década de 1990, se encantou com Lua de Cristal, estrelado por Xuxa Meneghel. E ali soube que a arte faria parte de sua vida para sempre. "Até hoje fico emocionada, é a minha história", diz.

Mas o Rio de Janeiro era um sonho distante para a menina da pequena cidade de Lauro Müller, interior de Santa Catarina. "Até os dez anos eu morava na zona rural, meus pais eram agricultores. Então o contato com a música era vendo TV", conta. Bastou subir a primeira vez no palco, aos dez anos, para não parar mais. 

Mais Notícias

Em 2011 ela deixou Santa Catarina e foi para o Rio com o marido, Diogo Garcia, responsável por gerenciar sua carreira. E em 2016 sua trajetória ganhou um novo capítulo com a entrada no The Voice Brasil. Lilian entrou para o time de Claudia Leitte. “Queria muito que ela fosse minha técnica, que virasse a cadeira, mas não tinha noção como ela seria boa pra mim. Ela divulga muito cada candidato em suas redes sociais, isso é de uma generosidade muito grande", avalia. A cantora deixou o programa na fase de batalhas, mas segue colhendo os frutos de sua participação no reality.

Em bate-papo com CARAS Digital ela conta como a experiência vem transformando sua vida, fala da parceria com o marido e seus abre o coração. “Meu sonho é ter uma composição minha em uma novela”, confessa.

Veja o bate-papo!

- Como surgiu e como avalia sua participação no The Voice?
Sempre enxerguei o The Voice como uma grande vitrine. Achei que agora era um momento de me inscrever e tentar uma oportunidade ali. Em 2014 participei do Mulheres que Brilham (SBT) no susto. Alguém mandou um vídeo meu e me chamaram. O The Voice foi estrategicamente pensado. Foi o momento certo porque já tenho um disco gravado. Cantei músicas que me representam, que são o meu estilo. Fiquei muito satisfeita com tudo. 

- O que já mudou na sua vida após o programa?
Muita gente nova chegando, as pessoas veem na TV e vêm procurar. Algumas falam “onde você estava? como que eu não te conhecia?” (risos). Lancei meu EP em outubro de 2015 e depois apresentei canções novas no meu show Motivo. Tem uma que se chama 'Prece', que fala da minha relação com a fé. Vi que causava um impacto grande nas pessoas. Fiz um vídeo e colocamos na internet e já passou de 600 mil visualizações no Facebook. É uma música autoral, que as pessoas estão conhecendo mais por causa do programa.

- Qual dica mais importante você recebeu da Claudia Leitte?
Conhecia a Claudia como artista, mas vi que ela é um doce de pessoa. Queria muito que ela fosse minha técnica, que virasse a cadeira, mas não tinha noção como ela seria boa pra mim. Ela divulga muito cada candidato em suas redes sociais, isso é de uma generosidade muito grande. Sempre fui tratada como uma colega de trabalho, sempre com muito respeito. Sou muito alegre, muito falante e ela também, acho que a nossa energia bateu. Ela me chamava de ‘minha doidinha’ e ressaltava a importância de ter espontaneidade, alegria de estar no palco. A gente pensa que cantora de MPB é mais contida, mas é assim que me sinto: muito alegre e feliz no palco. 

- Quando você soube que queria ser cantora?
morava no meio do mato mesmo, então o contato com a música era vendo TV . Eu era uma criança que gostava de falar, cantar, mas não tenho músicos na família, meus pais trabalhavam na roça. Quando eu tinha cinco anos fomos visitar meus padrinhos em São Paulo. pedi para minha tia me levar no cinema pra ver ‘Lua de Cristal’ que passava a propaganda no programa da Xuxa. E o filme conta a história de uma menina que foi para a cidade grande para ser cantora. Até hoje fico emocionada, é a minha história. Vim para o Rio para estudar, ir a mais shows, conhecer mais o mercado musical. Em SC é mais difícil de ficar imersa. O Rio era um sonho afetivo e muito por causa de Lua de Cristal. Caminhei a minha vida inteira atrás disso. Vvo o sonho da minha vida.

- Como foi o início?
Até os dez anos eu morava na zona rural de Lauro Müller (SC), meus pais eram agricultores. Dos 10 aos 12 morei em Capivari do Sul, a 50 km de Porto Alegre. O primeiro lugar que cantei foi no festival de calouros da escola. Minha mãe falava ‘que vergonha, a cidade inteira vai te ver’ (risos). Depois disso virei a cantora mirim da cidade, me chamavam sempre que tinha algum evento, podia ser na carroceria de um caminhão. Sempre fui miudinha. Tinha dez anos e parecia ter seis, todo mundo achava fofo. Depois voltei para Lauro Müller e quando fiz 18 anos fui fazer faculdade de Letras em Florianópolis. Sempre cantei na noite, em casamentos, bailes, nos eventos da faculdade. A música sempre fez parte da minha vida.

- O vídeo do seu casamento soma mais de 1,3 milhão de visualizações no YouTube, como foi isso?
Me casei em 2010 e entrei na igreja cantando uma música do Roberto Carlos e uma da Vanessa da Mata. Meu marido desconfiava que eu faria alguma coisa, mas não sabia como seria. Fiz muitos casamentos na minha vida, comecei aos 14 anos. Nosso convite de casamento era um CD com as músicas da cerimônia. Sempre pensei que quando eu me casasse iria cantar na minha entrada. O vídeo foi postado por uma fã no YouTube em 2012, nem fui eu que postei, e hoje muitas pessoas chegam nas minhas redes sociais por causa dele.

- Como é trabalhar com seu marido?
A gente se conheceu por causa da música. Ele trabalha com gestão de carreira musical e nos conhecemos em um evento em Floripa. Era o que eu precisava para mergulhar na carreira. Quando ele chegou foi essencial porque ele trouxe a parte de representação: agenda, negociação, é tudo ele que gerencia. Nós somos sócios, além de marido e mulher. Na parte dele eu não me meto. Agora todo mundo sabe que somos casados, mas eu separo muito bem, sou super caxias.

- Quando você percebeu que tinha fãs?
Em 2011. Foi a primeira vez que uma pessoa viajou para ir a show meu, isso me marcou muito. Ela viajou de São Paulo para o Rio para me conhecer. Sou uma pessoa muito sortuda. Me dedico bastante à divulgar meu trabalho na internet e isso aproxima as pessoas. Hoje uma das minhas melhores amigas é uma fã que vem dessa época, tem fã que trabalha comigo. Às vezes recebo relatos emocionados. A arte tem esse poder de transformar de verdade, as pessoas se abrem e contam a vida para você, é muito forte e uma responsabilidade. Minhas músicas falam muito de mim, mas tento passar alguma coisa boa de alguma maneira.

- Mas a internet e a exposição também trazem os ‘haters’, né? Como lida com eles?
Eu brincava que a hora que começasse a aparecer os haters é porque eu estava ficando famosa (risos). Na minha página é muito raro alguém falar mal, mas elas vêm em outros lugares, como na página do The Voice. Se não gosta da voz, se prefere outra cantora, tudo bem. Mas tem gente que é muito ofensivo, claro que isso magoa. No início eu ficava meio brava, principalmente quando era alguma coisa mentirosa. Mas nesses últimos dias tenho trabalhado isso. Agora estou conseguindo dar risada. Tem gente que fala ‘ah, ela é muito feliz, não gostei’ (risos). Não vale a pena se chatear.

- Qual é seu grande sonho?
Meu grande sonho é colocar uma composição minha em uma novela, sou muito noveleira. Minha relação com a MPB começou vendo novela quando era criança. Assim conheci Gal, Caetano, Chico...

- Quais os próximos passos?
Agora é um momento de aproveitar muito essa exposição, fazer com que as pessoas conheçam o trabalho que eu já faço, principalmente autoral. Tenho dois videoclipes para lançar e quero gravar o clipe de 'Prece' no início do ano. Em 2017 espero que uma música entre numa novela, é o meu objetivo. E quero fazer shows pelo Brasil.

por Kellen Rodrigues
Atualizado quinta 24 novembro, 2016 (282257) | 17/06/2019 12:10:28

Mais conteúdo sobre:

CARAS Recomenda

  1. Elas são perfeitas para um visual mais roqueiro ou num look As calças com efeito de couro dão um ‘up’ imediato ao look.
  2. As tote bags são espaçosas e vão te conquistar pela praticidade Bolsas que cabem tudo o que você precisa para o dia a dia
  3. Eles são macios e fofinhos, ótimos companheiros para o friozinho Os tricôs felpudos vão te aconchegar nesse inverno
  4. Versátil, ela vai bem tanto com jeans, como em produções mais arrumadas A jaqueta biker é um clássico. Encontre a sua!

Receba em Casa

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Personagem de Paolla Oliveira vai para cama com primo matador Vivi Guedes vai para cama com primo matador
  2. 2 Simone e Simaria aparecem em clique raro de lingerie
  3. 3 Flavia Pavanelli é flagrada acompanhada em jantar
  4. 4 Namorada de Ludmilla compartilha selfie e é elogiada
  5. 5 Mileide Mihaile pede namorado indiretamente em casamento
  6. 6 Nathalia Dill relembra clique dos anos 90 ao lado da mãe
  7. 7 Namorada de José de Abreu revela preconceito
  8. 8 Após anunciar separação, Juju Salimeni rebate críticas
  9. 9 Camilla Camargo faz chá de bebê luxuoso
  10. 10 Ivete Sangalo mostra as filhas após internação