Di Ferrero relembra acidente de carro durante viagem com NX Zero: ''Foi muito sério''

O cantor deu detalhes sobre o ocorrido e falou sobre o aprendizado com o susto que sofreu

CARAS Digital Publicado terça 20 outubro, 2020

O cantor deu detalhes sobre o ocorrido e falou sobre o aprendizado com o susto que sofreu
Di Ferrero relembra acidente de carro em viagem com NX Zero - Reprodução/Instagram

Di Ferrero relembrou uma experiência nada agradável que viveu na época em que estava no grupo NX Zero

Durante uma participação no programa Encontro desta terça-feira, 20, o cantor contou que acabou sofrendo um acidente de carro quando ainda estava no começo da sua carreira musical. 

A revelação aconteceu após passar uma matéria sobre um motociclista que foi arremessado 18 metros por um carro e saiu ileso, e ao contar o susto que passou, Di ainda explicou que se envolveu em uma batida  com lutadores de jiu-jitsu.

"Já sofri alguns acidentes. Sabe que eu até dirigo bem devagar por conta disso? Por que eu sempre tô meio avoado no trânsito, fazendo música, cantando, já fiz várias músicas no trânsito. Mas teve um, Fátima, que foi...  eu tava indo fazer um show, bem lá no começo, em Santos, então pra quem conhece mais ou menos São Paulo tem uma avenida gigante chamada Imigrantes que desce ali da Serra, e essa coisa de seguir um carro, né, tava seguindo um carro, e aí eu lembro que é uma pista que você anda rápido e tal, e aí a gente seguindo o carro ele ia pra esquerda ia pra direita, e uma hora ele saiu da pista rápida da esquerda e voltou, e na hora que a gente voltou veio um outro carro muito rápido e bateu na gente muito forte", contou ele.

Di Ferrero ainda contou que a confusão só não foi maior porque um dos lutadores que estava no outro veículo que foi atingido era fã de um integrante do NX Zero, que se separou em 2017. "Na época eu tava no NX, mas esse cara que foi campeão paulista de jiu-jitsu, tinha acabado de voltar do campeonato, reconheceu outro cara, que ele era fã de uma outra banda, a gente tava em duas bandas, por isso ele não terminou de acabar com a gente naquela hora", lembrou. 

Ao ser questionado sobre o que essa experiência causou em sua vida, o cantor explicou que após o ocorrido ele mudou sua visão para muitas coisas. "Na hora a gente tava rápido, ouvindo som alto, seguindo um carro, eu nunca mais vou seguir um carro, porque você seguir um carro em uma avenida não dá certo. Pra piorar a situação tinha quatro pessoas no banco de trás e a gente ainda tava falando mal de uma pessoa. Tava tudo errado. Eu tô dando risada agora, mas foi muito sério", completou. 

Último acesso: 26 Nov 2021 - 22:13:23 (366130).

Leia também

TV CARAS