Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

20 anos após sair do 'É o Tchan', Carla Perez fala sobre agressão de um integrante: "Ele pediu perdão"

A loira se lamentou por ter que retomar o assunto depois de tanto tempo

CARAS Digital Publicado em 05/05/2018, às 10h41 - Atualizado em 17/11/2020, às 09h49

Carla Perez fala sobre saída do grupo 'É o Tchan' - Reprodução/ Instagram
Carla Perez fala sobre saída do grupo 'É o Tchan' - Reprodução/ Instagram

Carla Perez decidiu colocar um ponto final nas polêmicas causadas desde a sua saída do grupo "É o Tchan".

Sem citar nomes, a loira fez um textão em seu Instagram e fez questão de colocar: "20 anos é tempo para amadurecimento, arrependimento e perdão", falou sobre a agressão que sofreu por Cumpadre Washington na época.

A questão veio após ter participado de um programa da Sabrina Sato em abril deste ano, no qual a japa questionou sobre os motivos da dançarina ter se despedido da banda que fazia tanto sucesso, e a resposta gerou diversos comentários na internet. "A gente teve um desentendimento. Eu era menina, muito nova e jamais iria aceitar que ninguém, muito menos homem nenhum, me agredisse. Como houve agressão gratuita eu pedi pra sair", disse.

Após grande repercussão, a dançarina, que se lamenta por este assunto ainda estar em pauta, deixou claro na rede social: "Ninguém do Tchan é meu inimigo, pelo contrário: o carinho é recíproco desde o empresário, passando por músicos, cantores, dançarinos, secretários, vendedores, aos ex integrantes, sendo eles da minha época ou não. É importante, inclusive, lembrar que tempos depois após a minha saída, fui convidada e participei do projeto dos 10 anos do É o Tchan, isso deixa ainda mais claro o quanto já estava tudo acertado entre nós. 20 anos é tempo para amadurecimento, arrependimento e perdão".

Com a foto que representou seu momento de despedida do grupo, Carla ainda falou sobre perdão. "Querem dar destaque a algo? Destaquem algo bom, a atitude de reconhecer um erro e o ato de perdoar. Sim, ele pediu perdão! Sim e eu o perdoei! Agora CHEGA desse circo! Tenho muito mais o que fazer, família para cuidar e roupa para lavar!", completou a esposa de Xanddy e mãe do Victor e da Camilly.