Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Tiê revela sua alma inquieta: "Sou uma pessoa mais dura"

Na ilha, a cantora compara-se ao pássaro que inspirou seu nome

CARAS Publicado em 15/06/2016, às 07h08

Tiê - ROGERIO PALLATTA
Tiê - ROGERIO PALLATTA

Batizada com nome de um pássaro conhecido pela beleza do seu canto, Tiê (36) faz jus à homenagem. Sua voz doce tornou- se conhecida com o sucesso da música A Noite tocada na novela I Love Paraisópolis (2015), que atualmente é exibida em Portugal, onde, no segundo semestre, ela vai lançar o CD Esmeraldas. “Passarinho é bonitinho e fofinho, mas é bravo. Sou igual. Sou uma pessoa mais dura”, afirmou a artista. Na Ilha de CARAS, Tiê revelou-se ainda mais inquieta do que se mostra no palco. Sua cabeça fervilha de ideias para as composições, que se tornaram frequentes após uma fase delicada de sua vida. “Tive um problema de saúde com 26 anos. Comecei a compor, a cantar melhor e a colocar para fora”, lembrou ela, que tem lúpus, uma doença autoimune.

Tiê começou a cantar profissionalmente ao lado de Toquinho (69), a quem conheceu em 2004, quando tinha um café-brechó, em São Paulo. “Ele foi o meu curso profissionalizante”, destacou a neta de Vida Alves (88), atriz que deu o primeiro beijo na TV em Sua Vida Me Pertence, exibida pela extinta TV Tupi em 1951. “Minha avó sempre me incentivou a fazer algo ligado à arte. Fui tentar atuar, dançar, modelei e cheguei à música. Foi com o que me identifiquei”, ressaltou Tiê, que lançou o primeiro disco, Sweet Jardim, em 2009. Mãe de Liz (6) e Amora (3), ela contou que as meninas herdaram o gosto pela música. “A caçula tem um estilo mais punk rock. E Liz é romântica como eu”, comparou. Apesar da falta de rotina por causa da profissão, é rígida nos horários das crianças. “Sempre tiveram uma hora para comer. E fazem as rezinhas delas antes de dormir...”, contou.