Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Sorte no caminho da atriz Bia Arantes: "Emocionada"

Com a intuição em alta, ela prevê ganhar sorteio de 0km na Ilha

CARAS Publicado em 07/02/2016, às 09h32

Eufórica, a atriz mostra a chave do seu KIA Picanto. - Divulgação
Eufórica, a atriz mostra a chave do seu KIA Picanto. - Divulgação

A intuição de Bia Arantes (22) não falhou em Angra dos Reis. Uma das cinco finalistas no sorteio de um dos KIA Picanto 0km nesta temporada da Ilha de CARAS, a atriz previu sua conquista antes mesmo de testar a chave do carro. “Já entrei achando que era meu! Me senti em casa...”, disse ela. Assim como Wanessa Camargo (33), Alexandra Richter (48), Carol Castro (31) e Maria Joana (29), o nome dela estava escrito em um dos papéis que foram retirados de uma urna onde estavam depositados os de todos os convidados.

Cada uma das finalistas escolheu uma chave para tentar dar a partida. Penúltima a fazer o teste, Bia não conteve a emoção ao ouvir o ronco do motor. “O coração está aceleradíssimo, não acredito que o carro é meu! 2016 está vindo iluminado para mim! Estou muito feliz e emocionada! Nunca ganhei nadanesta vida, fora alguns pés na bunda...”, divertiu-se Bia.

De férias da TV desde o fim de Além do Tempo, em janeiro, Maria Joana tinha uma grande expectativa em relação à chave, já que, no fim, só sobraram Bia e ela para tentar a sorte. “Estava tremendo de nervosa! Amar única coisa que ganhei foram uns pratos uma vez em um bingo. Também não costumo jogar em loteria, tenho mais o perfil de conquistar as coisas com meu trabalho. Mas, dessa vez, cheguei perto. Valeu!”, avaliou Maria.

Wanessa Camargo também não lamentou a falta de sorte. “Não conquistei hoje, mas venho ganhando tanto na vida! Saúde, felicidade, dois filhos lindos... Sorte é o que mais tenho!”, disse a mãe de José Marcus (4) e João Francisco (1), da união com Marcus Buaiz (36).

Uma motorista cautelosa, como se define, Bia faz planos de rodar até o Sul do País. “Viajei muito em família quando criança. Meu pai pegava o carro e saía sem rumo. Quero voltar a fazer isso, até sozinha, é sensação de liberdade. A gente já tem tanto compromisso no dia a dia e não dá conta. Sair sem programação é um descanso. Posso ir a Bento Gonçalves, nos vinhedos, é muito lindo”, disse ela, que aguarda para este ano as estreias dos filmes O Último Virgem, O Filme da Minha Vida e Rota de Fuga.