Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Esporte / ÍDOLO ETERNO!

Galvão Bueno fala sobre acidente de Ayrton Senna: "País inteiro parou"

Em podcast, Galvão Bueno recordou Ayrton Senna, grande campeão de Fórmula 1

CARAS Digital Publicado em 09/06/2022, às 12h04

Galvão Bueno fala sobre acidente de Ayrton Senna - Foto: Reprodução / Instagram
Galvão Bueno fala sobre acidente de Ayrton Senna - Foto: Reprodução / Instagram

O narrador Galvão Bueno(71) relembrou a vida de Ayrton Senna (1960 - 1994) durante o podast PodFalar, Galvão.

Durante o bate-papo, Galvão recordou o dia em que Ayrton Senna sofreu um acidente fatal no Grande Prêmio de San Marino em 1994.

"Em 1994, eu tive dois momentos completamente diferentes. O tetracampeonato da Copa do Mundo, e, antes, acidente com o Ayrton [...] Era evidente que era sério o acidente, fiquei sem saber o que falar para todos, para o país inteiro que parou naquele instante", contou Galvão.

Ainda na conversa, Galvão falou sobre o momento que chegou ao hospital: "Eu vi Gerhard Berger esperando o helicóptero. Ele me chamou. Quando fui chegando perto dele, fez um sinal balançando os braços dizendo: 'acabou'. Fomos ao hospital no helicóptero de Berger. O Braguinha [Antônio Carlos de Almeida Braga] colocou a mão na minha perna e falou: 'É, Galvão. Acabou a graça'. Depois disso ele nunca mais foi numa corrida", disse.

Quando decolou o helicóptero me lembrei das palavras que eu disse: 'Nós estamos todos com você, meu amigo. Seja forte, lute muito' E nunca mais o vi.

Galvão também recordou de um pedido feito pela mãe de Senna: "Dona Neide me disse que não queria que o filho dela voltasse ao Brasil em um caixão no bagageiro. E eu prometi pra ela que isso não ia acontecer [...], Eu, Reginaldo Leme e o cônsul brasileiro conversamos com a companhia aérea".

"Quando nós descemos, aconteceu uma coisa jamais vista, o carro do Corpo de Bombeiros, e o povo nas ruas, a emoção e a comoção nas ruas. São Paulo e o Brasil inteiro", contou Galvão.

Galvão Bueno fala sobre acidente de Ayrton Senna: