Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Datas Especiais / Dia dos Namorados

Adriana Birolli e Alexandre Contini acreditam na lealdade, honestidade e parceria

Adriana Birolli e Alexandre Contini estão juntos há um ano, mas não pensam em casamento no momento. "Está cedo pra pensar. Para um futuro, penso sim", diz a atriz.

Redação Publicado em 12/06/2012, às 11h31

A paixão de Alexandre Contini e Adriana Birolli - Marcio Nunes; produção: Claudia Mello; maquiagem: Dhu
A paixão de Alexandre Contini e Adriana Birolli - Marcio Nunes; produção: Claudia Mello; maquiagem: Dhu

Lealdade, honestidade e parceria. Para Adriana Birolli (25) esses são ingredientes indispensáveis quando o assunto é relacionamento sério. Depois de dois anos solteira, ela encontrou no ator e diretor teatral, Alexandre Contini (27) essas e outras qualidades que a fizeram se entregar ao amor novamente. “Uma coisa muito importante para um namoro é caráter, sem dúvida nenhuma, é fundamental. Alegria, parceria, a pessoa que topa estar com você naquilo que você propõe”, diz Adriana. Da mesma forma, o que  primeiro seduziu Alexandre foi a amizade de Adriana, depois o talento dela como atriz, além do jeito como ela o mima. “Ela cozinha pra mim”, diz ele.

Apesar de terem sido vistos juntos, pela primeira vez, no início desse ano, eles namoram há um ano, segundo ela. “Nos conhecemos em 2008, na Lapa, através de uma amiga em comum. Ela nos apresentou e ficamos amigos”, revela a atriz. Foi nessa época que um conheceu a família do outro. Enquanto eram apenas amigos, gostavam de sair para dançar com a turma. Agora, só querem saber de sossego. “Ficar junto é bom, assistir a filmes. Nesse climinha de frio, nada como um filminho debaixo das cobertas, seriados”, garante ela.

Eles se chamam de “amor” e adoram trocar presentes. Certa vez, se deram um Sherek e uma Fiona, que ficam na casa dele. Enquanto fotografavam, brincavam com um bichinho que Alexandre deu a Adriana. “Foi um presente do início do namoro. Não dei nome, mas tem um ursinho que eu dei pra ele que coloquei o apelido de Mago, porque é palmeirense (apelido do jogador Valdivia)”, se diverte ela.

Adriana garante que não é ciumenta e Alexandre, por sua vez, entende a exposição da namorada. “Tenho um ciúme na medida certa, nada que afete o relacionamento”, explica ele, que não se incomoda quando ela quer sair com os amigos. “A gente se apoia nisso de ver os amigos e ter uma vida individual, porque é importante. Senão trava a vida da pessoa”, afirma a atriz. Os defeitos um do outro ainda não são um incômodo. “Ainda não”, brinca e enfatiza ela, afinal eles são muito parecidos. “Gostamos praticamente das mesmas coisas”, pontua Alexandre. E é melhor ser parecido ou diferente? “Não sei... Tem um detalhe ou outro que não é parecido, mas também não é ruim. Traz a conversa e a troca de ideias e acaba um aprendendo com o outro”, responde a moça.

Mesmo tendo a mesma profissão, eles ainda não pensaram em trabalhar juntos. “Não temos nenhum projeto concreto juntos, só a vida vai dizer”, diz Adriana. Atualmente, ele está dirigindo o ator Danilo de Moura, que vai substituir Thiago Abravanel no musical Tim Maia e, em agosto, estreia as peças Escravas do Amor e O Casamento, as duas de Nelson Rodrigues, no Rio. Já Adriana reestreia a peça Manual Prático da Mulher Deseperada, dia 6 de julho, no Teatro dos Grandes Atores, no Rio. “Uma vez, quando estava dando entrevista numa rádio em São Paulo, ligou uma menina de Telêmaco Borba (Paraná) e contou que conheceu o namorado na peça, eles começaram a sair e, nesse dia, já estavam casados. Foram nove meses entre namoro e casamento. Espero que dure, mas está aí o certificado de Santo Casamenteiro da peça (risos)”, diz a atriz, que ainda não pensa em casamento: “Está cedo pra pensar. Para um futuro, penso sim”.

O casal ainda não planejou o que vai fazer no Dia dos Namorados. “Não sei, minha cabeça está a mil com a produção da peça”, disse Adriana, que de qualquer forma não vai deixar a data passar em branco. Ela ainda não decidiu o que vai dar de presente a Alexandre, mas sempre compra mais de um. “Eu mesma procuro e faço um pacote com chocolate, roupa, várias coisas”, conta.