Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Coronavírus / Vacinação!

Carlinhos Maia se defende após governo do Alagoas negar convite de vacinação

O humorista havia dito que foi convidado para furar a fila da vacinação contra a Covid-19 e foi desmentido pelo governo de Alagoas

CARAS Digital Publicado em 18/01/2021, às 21h28 - Atualizado às 21h43

Governo desmente convite e Carlinhos Maia se defende - Reprodução/Instagram
Governo desmente convite e Carlinhos Maia se defende - Reprodução/Instagram

Carlinhos Maia usou as redes sociais nesta segunda-feira, 18, para se pronunciar sobre ter recebido o convite para furar a fila de vacinação contra a Covid-19

O esclarecimento aconteceu após o governo de Alagoas desmentir a informação de que havia chamado o humorista para ser vacinado antes dos agentes de saúdes e grupos de risco. "A Secretaria de Estado da Comunicação informa que as 71 mil doses de vacina que começam a ser aplicadas nesta terça-feira (19/01) serão destinadas exclusivamente ao grupo prioritário definido pelo Ministério da Saúde. Não procedem informações de convites feitos a qualquer cidadão fora deste grupo."

Com a repercussão da mensagem do governo, Carlinhos usou o Stories para se defender e dar sua versão sobre o ocorrido afirmando que o convite havia partido do atual prefeito de Maceió, João Henrique Caldas (PSB). "Aconteceu essa conversa sim, que foi inclusive da prefeitura de Maceió, mas foi na melhor intenção do mundo. Mas não ataquem o prefeito, porque é uma pessoa que eu gosto pra caramba e ele é muito revolucionário com esse negócio de internet", disse ele.

E acrescentou: "Deixando claro que eu jamais tomaria a vacina, eu só quis deixar claro para vocês que eu aceitei fazer a campanha e inclusive filmar os idosos que iam tomar a vacina. Eu até pedi para ele colocar a minha mãe, a dona Madalena que já tem 70 anos... E a minha rede social estaria à disposição. Então não foi o governador. Eles desmentiram uma coisa aí que nem partiu deles. Foi uma coisa conversada com o prefeito de Maceió e foi uma ideia", finalizou o  influencer, que acabou apagando os vídeos.