Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

"A Culpa é das Estrelas é um filme sobre o amor universal e incondicional", diz Shailene Woodley

O filme baseado no livro homônimo de John Green estreia nesta quinta-feira, 5, nos cinemas do Brasil

CARAS Digital Publicado em 04/06/2014, às 11h18 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Shailene Woodley fala sobre "A Culpa é das Estrelas" - Getty Images
Shailene Woodley fala sobre "A Culpa é das Estrelas" - Getty Images

Shailene Woodley, protagonista do filme A Culpa é das Estrelas, que estreia nesta quinta-feira, 5, falou sobre a visão que tem da história baseada no livro homônimo escrito por John Green.

"É um lindo filme de câncer que não é sobre o câncer. É sobre a exploração interna, conexão eterna e o amor universal e incondicional", disse Shailene para a V Magazine.

Após estrelar o filme A Culpa é das Estrelas, a atriz pretende esperar por outro roteiro cinematográfico. "Vou me esconder e explorar alguma outra faceta artística da vida", contou.

+ Shailene Woodley explica porque não tem onde morar

Questionada sobre a evolução em sua carreira, desde a estreia em Os Descendentes ao lado de George Clooney, até virar a protagonista de Divergente, Shailene falou sobre a diferença em se fazer um filme indie e um blockbuster.

"Eu amo filme indie, porque não há tanta tensão. O orçamento é tão apertado e as filmagens são tão precisas que não há espaço para erros. Todo mundo está lá pelo amor à arte. Os filmes indie são capazes de explorar limites. Eles assumem riscos e divergem da mediocridade -- sendo mais sexuais, misteriosos, perigosos ou crus. Eu amo eles por causa da liberdade sem controle", explicou a atriz.