Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Maria Grazia Cucinotta: musa do cinema italiano em SP

Brinde a Maria Grazia Cucinotta

CARAS Digital Publicado em 07/12/2014, às 08h55 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Festival de cinema italiano - Divulgação
Festival de cinema italiano - Divulgação

A abertura do 10º Festival de Cinema Italiano no Brasil foi marcada pelos fortes laços que unem os dois países. Na première, realizada em SP, a atriz Maria Grazia Cucinotta (46), madrinha do evento e musa do cinema italiano, surgiu exuberante ao lado de seu eleito, o produtor Giulio Violati (54), e dos homenageados da noite, o cineasta Alberto De Venezia (29) e o diretor Massimo Scaglione (50), do filme La Moglie del Sarto, estrelado por ela. “É um prazer estar aqui, um País com tantos descendentes. Nosso cinema, desde o início, serviu de inspiração para o cinema brasileiro, e ainda hoje nós vemos o resultado”, vibrou a estrela, que foi Bond Girl em 007 – O Mundo Não é o Bastante, de 1999, ao lado de Pierce Brosnan (61). Apresentado pela jornalista Amanda Françozo (35), o festival ainda contou com as presenças das atrizes brasileiras Tuna Dwek (57), Christiane Tricerri (53) e Rachel Ripani (39), além da cantora italiana radicada no Brasil Mafalda Minnozzi (47). “É uma honra celebrar a Itália aqui. Vou novamente para lá, onde até abril sigo com turnê pela Europa e Japão”, adiantou Mafalda, diva da canção moderna italiana.