Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Julia Roberts diz que atuar com Meryl Streep foi bem diferente dos seus sonhos

Julia Roberts e Meryl Streep contracenaram no filme 'August: Osage County'. Saiba como foi a experiência de Julia ao lado da 'lenda viva' do cinema

CARAS Online Publicado em 11/09/2013, às 15h22 - Atualizado em 17/03/2020, às 17h23

Meryl Streep e Julia Roberts - Reprodução
Meryl Streep e Julia Roberts - Reprodução

Todo mundo sonha em estar perto da lenda Meryl Streep. Recentemente, Julia Roberts teve esta grande oportunidade ao contracenar com ela no filme August: Osage County, que pode render a décima oitava indicação ao Oscar para a veterana. Porém, durante a coletiva de imprensa do Toronto International Film Festival, Julia disse que a experiência não foi nada perto do que sonhava. 

“Foi intimidante, certamente, estar nestas cenas com ela, a estrangulando, fazendo coisas deste tipo”, contou. “Não foi como imaginei durante todos estes anos. Pensava que estaríamos juntas bebendo chá, falando em um sotaque fabuloso, usando vestidos e parecendo muito chiques”, recordou.

+ Meryl Streep e Oprah Winfrey devem disputar Oscar em 2014

A realidade foi bem diferente. “Ao invés disso, estava lá suando com um preenchimento no bumbum. Não foi como eu sonhei”, falou.

Mas em se tratando de Meryl Streep, Julia não tem nenhuma decepção. “Foi a melhor experiência como atriz da minha vida”, declarou. “Foi como descobrir um baú de tesouros. E no topo da pilha estava ela... Meryl Streep, que mostrou que atuar é trabalhar pesado. Nunca vi ninguém trabalhar tanto quanto ela. Ela não estala os dedos e vira um gênio. Ela realmente é a mulher que mais trabalha no set. Sou tão grata por poder ter visto isso de perto”, disse.

Em August: Osage County, Meryl vive Violet, uma mãe viciada em drogas que recebe a ajuda de suas filhas – uma delas interpretada por Julia Roberts, a protagonista do filme – depois que o pai alcoólatra as abandona.
O papel de Meryl tem histórico de sucesso em premiações. Em uma versão da Broadway, em 2008, a atriz Deanna Dunagan ganhou como Melhor Atriz no Tony Awards após interpretar Violet nos palcos.