Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Carnaval / Folia

O corpinho de Adriana Garambone: 'Tenho um general, que é a minha figurinista'

Ansiosa para pisar na avenida neste ano, onde sai pela São Clemente, Adriana Garambone fala do sucesso da novela 'Rebelde' e diz que tem se mantido na linha para entrar nas roupas da personagem

Redação Publicado em 19/02/2012, às 05h30 - Atualizado em 07/06/2012, às 23h22

Adriana Garambone e Arthur Papavero - Renato Wrobel
Adriana Garambone e Arthur Papavero - Renato Wrobel

Adriana Garambone (40) não via a hora de a folia começar. Isso porque 2012 promete ter um dos carnavais mais especiais da sua vida. A atriz, no ar em Rebelde, da Record, vai desfilar pela São Clemente, escola que homenageia uma de suas grandes paixões. "A escola vai homenagear os musicais. Gosto tanto que me sinto homenageada também. Já desfilei outras vezes, já até perdi a conta. Mas o carnaval desse ano será o mais especial, sem dúvidas", contou ela, que curtiu o primeiro dia de carnaval no Camarote CARAS, na Marquês de Sapucaí.

Acompanhada do marido, Arthur Papavero (33), ela falou sobre a preparação para brilhar na avenida. "Brinco que foi sem preparação. (risos) Não tive tempo, mas há um ano faço balé por causa da novela.  Minha personagem usa roupas muito curtas e justas. Tenho um general, que é a minha figurinista. E o balé me ajuda a ter um corpo fino e alongado. E também faço uma dietinha para entrar nas roupas".

Feliz com o sucesso da novela, Adriana já se prepara para uma segunda etapa. "Rebelde é um sucesso, a Record está investindo muito na novela. Minha personagem é bastante divertida, bem diferente dos papéis dramáticos que já fiz. Ela tem o maior carisma com as crianças, acho que é porque é uma cantora famosa, mãe de uma das 'rebeldes', um pouco louquinha e a que mais apoiou o grupo", declarou a atriz, que estará na segunda temporada da atração, com estreia prevista para março. "A criançada me aborda nas ruas. Elas acreditam mesmo que sou essa mãe. Não diferenciam o personagem do ator. Elas têm um fanatismo pela novela, mas é um fanatismo bacana... Têm álbum, pulseiras..."