Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Carnaval / Folia

As cantadas mais criativas dos famosos no carnaval

No Camarote CARAS, Daniel Rocha, Bruna Marquezine, Carla Diaz e outros famosos contam histórias de 'cantadas' de carnaval

Redação Publicado em 11/02/2013, às 04h33 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Marcella Rica, Igor Cosso, Bruna Marquezine, Sérgio Malheiros e Carla Diaz - Renato Wrobel
Marcella Rica, Igor Cosso, Bruna Marquezine, Sérgio Malheiros e Carla Diaz - Renato Wrobel

Que atire uma serpentina quem nunca teve uma paquera de carnaval. E com os famosos, claro, não seria diferente. Enquanto se divertem no Camarote CARAS, na Marquês de Sapucaí, no dia de desfiles do grupo de acesso do Rio de Janeiro, eles contaram algumas histórias curiosas sobre cantadas que já receberam (ou deram) nesta época de festas. Confira!

Sucesso como a Lurdinha em Salve Jorge, Bruna Marquezine (17) já ouviu muitas frases de efeito dos marmanjos, mas a mais marcante delas acabou em risada. “O cara chegou e falou: ‘Oi, meu nome não é Alface, mas pode me chamar de facinho’ [risos]”, conta. “Não tinha como eu fazer outra coisa senão dar risada”, diz.

Quem também terminou rindo de uma tentativa de paquera foi a bela Marcella Rica (21). “‘Você faz aula de canto? Então vamos ali para o canto?’... Não acreditei. Só parei e perguntei: ‘Você jura?’”, lembra ela, que está solteira e garante que carnaval é a pior época para encontrar alguém. “Só tem gente louca!”.

Defendendo o time dos homens, Jonathan Haagensen (29) ensina uma cantada que, segundo ele, é infalível: “Você chega na menina, segura no pescoço dela e pergunta: Cadê?. Aí, ela responde: O quê? E você diz: Meu beijo”.

A tática de Sérgio Malheiros (19) é parecida, mas com mais ‘fofura’. “Olha nos olhos dela e fala com toda sinceridade: ‘Pô, perdi meu ursinho, dorme comigo esta noite?’”, conta o rapaz.

Mudando de ursinho para boneca, Carla Diaz (22) diz que nunca recebeu nenhuma cantada cafona, mas lembra de uma história com a amiga dela. “Uma vez chegaram em uma amiga que estava fantasiada de boneca. Daí o cara perguntou: ‘Você está vestida do quê?, e ela: ‘de boneca’, e o cara: ‘Então, quando posso te pegar no colo?’”, fala a atriz, que garante: “Não funcionaria de jeito nenhum comigo”.

Casado há 11 anos, Luka Ribeiro (40) conta que durante sua fase de solteiro viajou muito pelos carnavais do Brasil. E foi em Santa Catarina que ouviu de uma menina o seguinte pedido: “‘Eu já tenho confete, serpentina, para o meu carnaval ficar completo só falta você comigo’”. O ator confessa que achou ‘fofo’, mas que não funcionou com ele.

Igor Cosso (22) também está em uma fase mais ‘tranquila’. Solteiro, ele lembra de um carnaval há dois anos, quando foi para Salvador e saiu em blocos de rua. “Eu recebi muitas cantadas naquele dia. Só posso dizer que o carnaval foi bom [risos]”, comenta.

Por conta do personagem Roni em Avenida Brasil,Daniel Rocha (22) continua ouvindo a mesma oferta das mulheres. "Elas sempre falam: 'Se a Suellen não te dar um jeito, eu dou'", conta.