Com enredo sobre fama, Salgueiro homenageia CARAS

Com um time de estrelas em seu corpo de avenida, a escola de samba Acadêmicos do Salgueiro aborda o mundo da fama e realiza homenagem ao 20 anos da revista CARAS

segunda 11 fevereiro, 2013
Viviane Araújo, rainha de bateria da Salgueiro
Viviane Araújo, rainha de bateria da Salgueiro Marcos Ferreira/Foto Rio News

Luxo. Essa é a melhor palavra para descrever o desfile da Salgueiro, a segunda agremiação a desfilar na Sapucaí, na noite deste domingo, 10. Para se ter ideia da dimensão do carnaval apresentado pela escola, apenas o carro abre-alas veio com uma câmera fotográfica enorme e um grande painel formado por quatro milhões de LEDs. Em cima da máquina, no lugar da marca, vem a palavra "fama", que foi o tema da agremiação. Combinando exatamente com o assunto, um verdadeiro batalhão de personalidades estava na avenida, como os atores Paulinho Vilhena (34), Thaila Ayala (26), Fernanda Rodrigues (33), Eri Johnson (52) e Cacau Protásio (37).

Na voz do experiente cantor Xande de Pilares, do grupo Revelação, a escola apresentou uma bela homenagem aos 20 anos da revista CARAS. As menções foram claras e muito bem feitas, como um carro alegórico chamado Pleasure Island, numa referência à Ilha de CARAS, espaço em que a publicação faz seus luxuosos ensaios fotográficos e reportagens. A escola fez menção a outros eventos da revista.

Mais Notícias

Além desta alegoria, que tinha 18 metros de comprimento, enfeitadas com lanchas e jet-skis, e elementos que aludem ao cenário de uma ilha paradisíaca, a escola levou 36 alas, outros 6 carros alegóricos e, ao todo, 3,8 mil componentes defendendo o vermelho e branco, que são as cores oficiais da agremiação. Atualmente, a Salgueiro é a atual vice-campeã do carnaval carioca.

Chamou a atenção do público da Sapucaí a beleza da comissão de frente da escola, que veio com uma limusine, seguranças de celebridades, sempre de terno, e muitos paparazzi. A escola homenageou Chacrinha no carro, que também veio com dois atores representando Marilyn Monroe (1926-1962) e Amy Winehouse (1983-2011).

Na sequência, um “Chão de estrelas” emocionou o público. Na ala, 21 pessoas sentadas em cadeiras de rodas com formato de estrela formaram uma bela calçada da fama – tudo a ver com  o tema. No abre-alas, várias personalidades que estiveram nas capas de CARAS, como Pelé (72), salgueirense ilustres. A alegoria chama-se Grande Ocular, e mostrou uma câmera fotográfica e seguranças gigantes.
A escola utilizou a História para apresentar uma visão em perspectiva sobre o assunto, com alas em que apresentava Cleópatras, faraós, guerreiros, representando a honra e glória do passado, vindo desde o Egito antigo. É neste ponto que a escola exibiu exemplos de vaidade que existiram na história, como o culto aos faraós, no Egito Antigo, e a figura de Luís XIV, o Rei-Sol francês.

Outra referência bela é a ala em que mosquinhas azuis representavam picavam as pessoas, que se transformavam em estrelas. Mais adiante, a bateria da agremiação apareceu vestindo uma roupa com a icônica foto de Che Guevara, símbolo da Revolução Cubana de 1959. O carro Fotoshopping foi outra bela apresentação, mostrando um shopping center que “vende” novas caras, bocas, narizes, olhos.

Musas

Viviane Araújo (37), Milena Nogueira e Valesca Popozuda (34) foram as grandes musas do desfile da Salgueiro. Após brilhar no carnaval da Mancha Verde, em São Paulo, a rainha de bateria Viviane esteve à frente do ritmo do Salgueiro pelo sexto ano consecutivo. A esposa do sambista Diogo Nogueira (31), Milena, também esteve na avenida e brilhou. Valesca, que desfilava há três anos na agremiação, estava à frente do quinto carro alegórico, que representa um programa de edição de imagens, além de as pessoas anônimas, transformadas em celebridades com o auxílio da tecnologia.

Confira a letra do samba:

Tá na capa da revista o meu pavilhão
E na cara dessa gente, o orgulho, a emoção
Vermelha paixão no peito
Tem banca, moral, respeito!

Tenho fama
De fazer história por ser diferente
Quem me ama é parte das páginas que escrevi
Quero sim, eternizar a minha vida
Meu nome outra vez na avenida
Porque sempre foi assim ...
Escribas selavam destinos
Mostravam o deus vivo, eterno poder
Nos versos de tantos poetas
Em Alexandria a grande expressão do saber
Noite encantada, se fez mascarada pela emoção
É bela ou fera? se você quer saber espera
Pra ver o quê? O traço do pintor
Que o "astro" rei Luis retratou
Tá na galeria, em museus
"Imagine", teve gente se achando mais que Deus
No embalo do som das canções
Causar histeria, arrastar multidões
Revolucionar com os seus ideais
Imagem que o tempo não apaga jamais
Se vacilar, cair na rede, vão criticar ... o que é que tem ?
Vida de celebridade é um vai e vem
Vem cá meu bem, ajuste o foco, vou nessa foto
Te revelar para o mundo inteiro
Sou eu o artista, famoso sambista
Me chama Salgueiro
Tá na capa da revista o meu pavilhão
E na cara dessa gente, o orgulho, a emoção
Vermelha paixão no peito
Tem banca, moral, respeito!

Atualizado segunda 11 fevereiro, 2013 (224683) | 17/01/2019 15:47:15

Mais conteúdo sobre:

CARAS Recomenda

  1. A sífilis assusta, mas a infecção tem cura!
  2. Saiba tudo sobre a prevenção da sífilis!
  3. Teste seu conhecimento sobre a sífilis
  4. EXPORT PELO MUNDO: Dicas de verão no Rio de Janeiro

Receba em Casa

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Graciele Lacerda rebate acusações de plásticas no rosto
  2. 2 Felipe Neto entra em guerra contra o pai de MC Melody
  3. 3 Após 12 temporadas, John Winchester volta a 'Supernatural'
  4. 4 Ansiosa, Sasha Meneghel revela planos para o carnaval
  5. 5 brother acusado de agredir a ex fala sobre o caso
  6. 6 Irmão de Caio Junqueira fala sobre situação do ator
  7. 7 Homem-Aranha traz os primeiros atores transsexuais da Marvel
  8. 8 Keanu Reeves revela que já se vestiu de Coelhinha da Playboy
  9. 9 Cleo Pires abre o jogo e revela se fez plástica na boca
  10. 10 Lutando contra um câncer, Beto Barbosa passa por cirurgia