Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Big Brother / Alfinetadas

Ex-BBB Eliezer joga indireta e Natália Deodato responde na lata

Ex-BBBs Eliezer e Natália trocam farpas nas redes sociais com mensagens no Twitter: 'Se arrependimento matasse'

CARAS Digital Publicado em 23/05/2022, às 08h55

Ex-BBBs Eliezer e Natália Deodato - Foto: Reprodução / Instagram e Globo
Ex-BBBs Eliezer e Natália Deodato - Foto: Reprodução / Instagram e Globo

Os ex-BBBs Eliezer e Natália Deodato se estranharam nas redes sociais neste final de semana. Ele compartilhou uma indireta em seu perfil no Twitter e ela decidiu rebater. Assim, o climão tomou conta das redes sociais e o assunto viralizou.

Em seu perfil, Eliezer disse: “Se arrependimento matasse, estaríamos todos mortos feat enterrados, né?”. Ao ver isso, Natália respondeu para ele: “Com toda certeza. Inclusive, somos prova viva disso!”.

Logo depois, Natália justificou sua decisão de responder para o rapaz. “Ninguém tem sangue de barata. Se tiver que responder, eu vou responder mesmo, mas acho que já chega dessa história e a vida precisa seguir, afinal, a gente precisa virar nosso rosto em direçãoao sol para deixar as sombras para trás!”, disse ela.

Ex-BBBs Eliezer e Natália trocam indiretas

Ex-BBBs Eliezer e Natália trocam indiretas

Natália Deodato disse que se arrependeu de ter começado o affair com Eliezer

Em uma entrevista, a ex-BBB Natália contou que se arrependeu de ter vivido o relacionamento com Eliezer na casa do BBB 22. “Foi até legal, mas me arrependo demais de ter ficado com ele, ele é uma pessoa maravilhosa, mas hoje, vendo tudo, eu teria mantido [a relação] na zona de amigo ou talvez nem isso”, disse ela ao site Notícias da TV.

Então, ao falar da vida íntima com o ex-brother, Natália declarou: “Não me arrependo do ato em momento algum, afinal, sou um ser humano, até os animais transam. Detesto falso conservadorismo e hipocrisia. Nas condições de confinamento, a pessoa decide se quer ou não, eu quis e está tudo certo”.