Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Big Brother / ABRIU O JOGO!

De desacreditada à última sister do 'BBB 22', Jessilane Alves revelou a sua estratégia para chegar tão longe na competição

Em entrevista exclusiva à CARAS Digital, Jessilane Alves falou sobre o seu crescimento como jogadora no 'BBB 22' e revelou planos para o futuro

Matheus Thomeu Toaldo Publicado em 26/04/2022, às 19h59

Jessilane Alves - Divulgação/TV Globo
Jessilane Alves - Divulgação/TV Globo

De desacreditada à última sister do BBB 22Jessilane Alves(26) iniciou sua trajetória na casa de forma retraída, como se estivesse jogando na defensiva. Aos poucos, foi se soltando e acabou ganhando cada vez mais força dentro e fora do reality.

Em entrevista exclusiva à CARAS Digital, a sister comentou sobre essa mudança de postura, fazendo com que liderasse o ranking semanal de prêmios, vencesse provas e chegasse muito próximo da Grande Final.

A postura retraída de Jessilane, no início, foi uma estratégia planejada 

Semana passada, Jessilane Alves (26) disputou o paredão contra Arthur Aguiar (33), Douglas Silva (33) e Eliezer (31) e deixou a casa com 63,63% dos votos.

Em sua passagem, Jessi foi ganhando confiança aos poucos para se soltar e mostrar a sua verdadeira personalidade. Segundo ela, esse movimento, porém, fazia parte de uma estratégia já arquitetada.

"Eu acredito que se eu tivesse conseguido encontrar o meu espaço já no início do programa, teria sido diferente e talvez eu até saísse antes, então foi como se eu tivesse ‘escondida’ pra entender o movimento, sabe? Foi muito bom aquilo ter acontecido, para que eu fosse criando meu espaço aos poucos e de alguma forma fosse ficando um pouco mais estratégica e observadora no jogo, até as pessoas começarem a me enxergar, e aí eu só volto a ir ao paredão na sétima semana, e depois agora já na reta final, quando eu fui eliminada", revelou.

Antes não levada tão a sério, a sister ainda acabou finalizando sua estadia como o destaque entre as mulheres da casa: "Eu saí do programa muito bem, com uma trajetória muito bonita e de transformação, isso também foi muito relevante".

Vendo as comadres saindo uma a uma, Jessilane se sentiu amparada pelos brothers

Sendo a última sister a deixar o BBB 22, Jessi viu suas colegas de confinamento saindo uma a uma. Apesar de ter ficado sem as comadres, Eliezer (31) e os meninos do Quarto Grunge fizeram de tudo para acolher e entrosar a sister. 

"Com a saída da Lina, que era a pessoa que mais estava ali me apoiando e me dando força para continuar, (o BBB 22) foi muito desafiador. Mas, ao mesmo tempo, eu fui muito acolhida pelos meninos e esse acolhimento foi muito importante porque a intensidade é bem grande, além de como o psicológico reage a tudo, que também é algo que mexe com a gente", contou a sister.

"Quando todas as meninas saíram, Scooby e DG foram muito importantes porque me deram muita força, me abraçaram, se preocuparam com o que estava acontecendo… Então eu saio muito feliz por ter mudado um pouco a minha relação com eles nessa reta final", completou, grata pela disposição dos brothers.

Jessi afirma que a final do BBB 22 ainda não está definida

Hoje, 26, é a Grande Final do Big Brother Brasil 22! Arthur AguiarDouglas Silva e Paulo André (23) disputam a preferência do públicio para levar o prêmio de R$1,5 milhão.

Segundo a enquete da CARAS Digital e de outros sites, Arthur será o grande campeão do reality. Apesar disso, a ex-sister acredita que tudo ainda pode acontecer: "Jogo é sempre um cenário imprevisível, mas Arthur parece ter grandes chances, pelo que tenho visto aqui fora. Mas acho o PA um forte candidato também, mesmo eu tendo declarado a minha torcida para o DG".

Jessilane foi de "Rainha da Xepa" à líder do ranking de prêmios

Assim como Eliezer, vários memes foram feitos sobre o azar de Jessi nas provas e também por ter ficado muito tempo fora do Vip, sendo até chamada "Rainha da Xepa". Fora da casa, Jessilane adorou as brincadeiras feitas, mas, lá dentro, acabou se sentido mal.

"Eu achei super divertido, lá dentro que não era legal ser a “Rainha da Xepa” porque muitas vezes o sentimento era de que ninguém se importava com o fato de que eu estava muito tempo ali, o fato de eu não ganhar nenhuma prova. Mas aqui fora eu achei o máximo, ri demais e me diverti com todos os memes que saíram sobre isso", declarou.

Na primeira semana de abril, no entanto, o jogo mudou para a professora de biologia ao acabar com a "zica". Vencendo a Prova do Anjo, a sister liderou o ranking semanal de prêmios pela primeira vez no reality. 

"Acredito que houve essa virada na reta final, foi um presente de Deus por todas as semanas que eu fiquei na xepa e por todas as provas que eu perdi! Ganhei vários prêmios e isso para mim foi literalmente desafogo, né? Foi uma forma de sair aliviada. Eu saí muito feliz", disse a sister, confortada pela situação.

Além de Educação, Jessi também planeja o seu futuro em outras áreas

Professora de biologia e pós graduada em linguagem de sinais, Jessi revelou que a Educação ainda está em seus planos para o futuro.

"Eu penso, sim, em rascunhar projetos na minha área, é algo que está nos meus planos, agora é mais organizar tudo pra ganhar solidez. A educação é minha base e seguirá me acompanhando, quero realizar muitas coisas nesse universo. Adoro falar sobre o sistema educacional brasileiro, libras e assuntos que eu já tratava lá dentro da casa", revelou.

Apesar disso, a sister também já busca se inserir em outras áreas: "Estou bastante mergulhada em tudo que está acontecendo, absorvendo os novos movimentos da minha vida [...] Quero aproveitar esses novos espaços e poder trabalhar também em outras frentes, construir carreira, dar estabilidade para minha família. Quero seguir realizando sonhos".

Jessilane realizou o seu sonho de participar do Carnaval na Sapucaí

Após ser eliminada da casa mais vigiada do Brasil, Jessilanefoi curtir o primeiro dia de desfiles do Grupo Especial das escolas de samba do Rio de Janeiro nesta sexta-feira, 22. 

"Foi a realização de um sonho! Eu sempre assistia pela televisão e pedia a Deus para que algum dia eu
conseguisse ir e assistir de pertinho, então quando eu cheguei e vi os carros alegóricos, as passistas, meu coração disparava e meus olhos enchiam de lágrimas, eu pensava como era lindo", contou emocionada.

Esse sonho ainda foi turbinado pelo seu reencontro com as comadres, após o BBB 22: "Para fechar a noite, ainda reencontro com a Lina e com a Natália. Foi muito gostoso matar um pouco da saudade, ver como elas estavam bem e como está tudo se estabilizando aqui fora de uma forma positiva, então estou muito satisfeita."