Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Big Brother / Dúvida

BBB21: Carla Diaz questiona Arthur sobre flechada: ''Foi jogo?''

A atriz quis saber se a atitude do brother foi uma estratégia de jogo

CARAS Digital Publicado em 06/02/2021, às 10h35 - Atualizado às 10h49

BBB21: Carla Diaz questiona Arthur sobre flechada - Reprodução/TV Globo
BBB21: Carla Diaz questiona Arthur sobre flechada - Reprodução/TV Globo

Carla Diaz resolveu tirar uma dúvida com Arthur

O brother é o novo líder da semana do BBB21 e durante uma conversa sobre os acontecimentos na casa, já que os participantes estão montando várias estratégias para de colocar Lucas Penteado no segundo paredão do reality, a atriz questionou o instrutor de crossfit sobre a investida na última festa

"Te confesso que fiquei um pouco assustada. Assim, pelo que eu tô vendo, vai continuar assim. A tendência é continuar assim. A flechada foi jogo? Não foi coisa de decisão de grupo, 'vamos ver qual é a da Carla, se ela vem para o grupo'", quis saber a loira. 

Surpreso com o questionamento, Arthur garantiu que a flechada aconteceu porque ele realmente está interessado em conhecê-la melhor. "Não. Isso não é coisa de se brincar, velho", garantiu. "Ué, não sei. Podia ser. Por isso que queria conversar com você", rebateu a sister. 

"Isso aí não acho que seja coisa de brincar. Você tá aqui como pessoa e não como atriz. É muita coisa que se expõe, como o Tiago brincar comigo com o lance da flechada. Se eu fosse ator, talvez eu conseguiria fazer algo assim. Eu fiz porque queria fazer mesmo. Estou interessado", justificou o rapaz. 

Carla confessou para Arthur que está bem chocada com todas as informações que está recebendo e quer analisar tudo para não tomar nenhuma atitude equivocada. "Eu não tinha reparado nada até então. Tá sendo uma surpresa nos últimos dias. Hoje foi muita informação pra mim. Eu só queria entender o que tá acontecendo. Eu ficaria muito chateada se soubesse mais pra frente ou agora e diria 'desculpa, mas não vou compactuar com isso'", explicou. 

O líder garantiu que agiou de coração. "Entendo total. Eu fiz o que faço na minha vida... Eu vou sair daqui e você e vai ver que não foi nada disso. Aí já é passar do limite do jogo falando de caráter, sabe? Aquela galera ali [família nos porta-retratos] ficaria muito chateada comigo", afirmou ele e completou: "Foi real e amanhã vou dar flechada de novo na festa."