CARAS Brasil
Busca
Facebook CARAS BrasilTwitter CARAS BrasilInstagram CARAS BrasilYoutube CARAS BrasilTiktok CARAS BrasilSpotify CARAS Brasil
Big Brother / SAIBA MAIS!

BBB é roteirizado? Entenda dinâmica por trás das câmeras do reality

Em conversa com a CARAS Brasil, a roteirista Thais Falcão (Power Couple Brasil) explica como funciona o roteiro de um reality como o BBB

por Mariana Arrudas

marrudas_colab@caras.com.br

Publicado em 09/01/2024, às 17h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
O apresentador do BBB 24, Tadeu Schmidt - Foto: Reprodução/Globo
O apresentador do BBB 24, Tadeu Schmidt - Foto: Reprodução/Globo

Com a estreia da 24ª edição do BBB, o reality global se tornou assunto em grande parte do Brasil. Com provas, festas e fogo no parquinho toda semana, o programa cria narrativas para que o público torça à favor —e contra— os 26 participantes. De acordo com Thais Falcão, essa dinâmica mostra que o programa segue um roteiro.

Falcão trabalhou na primeira edição do Power Couple Brasil e explica que, apesar de ter um roteiro, isso não quer dizer que o BBB é uma obra fechada. A roteirista diz que o roteiro é fundamental para dar uma apimentada na edição, quando necessário, ou jogar luz em determinados conflitos.

"O roteiro de um reality é fundamental assim como o de qualquer peça audiovisual. No caso do que ainda vai ser gravado, é um guia um pouco mais aberto e geralmente tem uma indicação do que o apresentador vai falar e o apontamento das dinâmicas e quadros dos episódios."

Leia também: Como as redes sociais mudaram a dinâmica do BBB?

Ela explica que, no casdo do BBB, fica clara a existência de um roteiro com a periodicidade dos eventos. Como por exemplo, nas edições mais recentes, o Jogo da Discórdia passou a ser um quadro fixo que acontece todas as segundas-feiras.

"A magia do reality está no roteiro de edição onde são montados os VTs com os melhores momentos", completa. "Então, esses VTs temáticos são costurados com os momentos principais da casa. No caso do BBB, as últimas 24 horas de convivência."

Falcão ainda ressalta que é preciso que a equipe esteja atenta ao que está repercutindo nas redes sociais, que viraram praticamente um novo participante da casa mais vigiada do Brasil. Isso é um passo para enfrentar o desafio de engajar o público nas narrativas e histórias que os roteiristas acabam se engajando.

thais-roteirista
Thais Falcão, roteirista da primeira temporada do Power Couple | Foto: Divulgação

Ela conta que não precisou lidar diretamente com isso durante seu trabalho nos bastidores da primeira edição do Power Couple Brasil, já que a temporada foi inteiramente gravada e depois exibida. Na época, a resposta do público não era tão imediata quanto à do ao vivo do BBB.

"Ser fiel aos personagens e conseguir entregar o melhor de cada um para o público, com o tempo de tela que temos, acredito que é o grande desafio", acrescenta Falcão. "A gente assiste e convive com os participantes 24 horas por dia e, às vezes, histórias que são muito atrativas para nós podem não ser para o público."

CONFIRA A PUBLICAÇÃO MAIS RECENTE DO PERFIL DO BBB NO INSTAGRAM: