CARAS Brasil
Busca
Facebook CARAS BrasilTwitter CARAS BrasilInstagram CARAS BrasilYoutube CARAS BrasilTiktok CARAS BrasilSpotify CARAS Brasil
Big Brother / Eita!

BBB 24: Vai desistir? Bin Laden encara botão de desistência após briga

Após discussão tensa com Davi, MC Bin Laden encara o botão de desistência; último Camarote quase protagonizou briga de mão com rival

Nataly Paschoal

por Nataly Paschoal

npaschoal@caras.com.br

Publicado em 26/03/2024, às 07h36

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Bin Laden encara botão da desistência - Reprodução/Globo
Bin Laden encara botão da desistência - Reprodução/Globo

O último Camarote restante dessa edição, MC Bin Laden, encarou o botão de desistência nesta madrugada de terça-feira, 26, na casa do BBB 24. O cantor ficou parado olhando para o objeto após protagonizar uma briga tensa com Davi.

Aos berros e chegando muito perto de uma agressão física, o brother e o motorista de aplicativo se desentenderam feio depois da dinâmica do Sincerão desta segunda-feira, 25, que teve muita fumaça e treta.

Após os acontecimentos quentes e de ter levado até uma bronca do Big Boss sobre ter passado do ponto, MC Bin Laden ficou olhando para o botão na parede da sala. O relógio no momento estava vermelho.

Vale lembrar que ele está no Paredão enfrentando Davi, Leidy Elin e Matteus. Em conversa com Lucas Henrique, o Camarote desabafou sobre a discussão e deu sua versão dos fatos de como teria começado a briga.

"Mano, ele veio se meter, veio pra cima de mim, o Matteus não foi apartar a briga. O Matteus veio pra cima também, a Alane veio falar, foi três contra um. Teve uma hora que ele tentou dar uma cabeçada", relatou.

Davi chora escondido após protagonizar confusão com MC Bin Laden

Durante a madrugada desta terça-feira, 26, Davi tentou se isolar e escapar das câmeras na academia do Big Brother Brasil 24.  No entanto, o motorista foi encontrado por Matteus. Foi quando ele abriu o jogo e desabafou sobre a briga intensa com MC Bin Laden, que chegou a receber intervenção da produção do programa para evitar agressões.

Escondido em um canto atrás de uma poltrona para evitar ser incomodado, Davi foi encontrado pelo colega de confinamento, que tentou consolar: “Não vou te deixar assim, não adianta ficar assim.”, disse Matteus. Apesar do cuidado do gaúcho, o baiano pediu para ficar sozinho: “Eu quero ficar só, é sério mesmo”, disse em meio às lágrimas. Veja mais aqui.