Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Big Brother / Eita!

BBB 24: Gleici Damasceno faz alerta grave sobre Davi: 'Escancarado'

Vencedora do BBB 18, Gleici Damasceno faz alerta sobre o que Davi está sofrendo; ex-sister comentou sobre o brother estar sendo vítima de racismo

Nataly Paschoal

por Nataly Paschoal

npaschoal@caras.com.br

Publicado em 11/02/2024, às 12h11

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Gleici Damasceno faz alerta sobre Davi - Reprodução/Instagram
Gleici Damasceno faz alerta sobre Davi - Reprodução/Instagram

A vencedora do BBB 18  Gleici Damasceno fez um alerta em seu X (antigo Twitter) sobre o que Davi está sofrendo no BBB 24. Neste domingo, 11, o brother quase desistiu do reality ao sentir muita pressão dos participantes contra ele.

Constante alvo na casa e sempre culpado de várias situações, o motorista de aplicativo estava decidido a deixar o programa até ser chamado para conversar no confessionário. Davi então mudou de ideia por enquanto, mas se mostrou bastante abatido psicologicamente e fisicamente.

Diante do caso do brother, Gleici Damasceno fez um alerta sobre ele ser sempre o alvo do confinamento. "O Davi tá sofrendo racismo escancarado, isso veio tirando aos poucos a alegria dele, paciência e saúde. quantas pessoas estão adoecidas na sociedade por viverem isso diariamente e a maioria das pessoas brancas tratarem como mimimi, o BBB fazendo essa pauta importante chegar onde talvez não chegaria com tanta facilidade", analisou ela.

Após a quase desistência de Davi, os internautas pedem um discurso de Tadeu Schmidt sobre violência psicológica. Há quem diga que o jogo está ultrapassando os limites.

Davi pensa em desistir

Logo de manhã, Davi contou que iria apenas organizar suas roupas e suas malas enquanto esperava o botão da desistência ficar ativo. Então, ele quer ir embora. "Eu estou decidido, eu não quero isso pra minha vida. Não sei o que público acha de mim lá fora. Aqui dentro é outra coisa. Aqui dentro é sobre três meses com 26 pessoas na casa. Eu vou ser eu! Eu vou ter a minha paz. Se eu continuar aqui, eu vou ter um trecho, vou ter um infarto, um AVC, já estava me sentindo meio tonto, tontura", afirmou ele. 

Após se mostrar muito abatido e decidido a sair, ele foi chamado no confessionário para conversar. Um áudio de Boninho vazou. A produção logo cortou o áudio e câmeras.