Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Bem-estar e Saúde / Internação

Saiba qual é a previsão para o baixista Mingau deixar o hospital

Como o baixista Mingau está? Mãe da filha dele revela como anda a recuperação dele após ser baleado

por Priscilla Comoti

pcomoti_colab@caras.com.br

Publicado em 15/11/2023, às 20h06

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Mingau, do grupo Ultraje a Rigor - Foto: Reprodução / Instagram
Mingau, do grupo Ultraje a Rigor - Foto: Reprodução / Instagram

O baixista Mingau, do grupo Ultraje a Rigor, já tem uma previsão de quando deve deixar o hospital. Ele está internado desde setembro, quando foi baleado na cabeça e precisou ser operado. Agora, a família informou que ele pode deixar o hospital antes do Natal deste ano.

Em entrevista ao site Gshow, Annamaria Aglio, que é a mãe da filha dele, Isabella Aglio, contou que ele deverá ir para uma clínica de reabilitação para seguir com sua recuperação. “Ele deve sari do hospital daqui a um mês e seguir pra uma clínica de retaguarda, reabilitação. Ele já mostra um nível de consciência, dá risadinhas e até chora. Mas o processo é lento, os médicos dizem que é preciso paciência e persistência”, contou.

A filha dele abriu uma vaquinha online para arrecadar dinheiro para ajudar a custear o tratamento do pai.

O que aconteceu com Mingau?

O baixista Mingau foi baleado na cabeça enquanto estava dentro do seu carro em Paraty, no Rio de Janeiro. Ele foi atingido no lado esquerdo da cabeça. Ele foi levado para um hospital municipal da região e transferido logo depois para passar por cirurgias.

Um dos boletins médicos mais recentes, emitido no final de outubro, informou que o quadro de saúde dele é estável e tem uma resposta satisfatória. Ele está sem sedação e apresenta uma evolução lenta e gradual com reação aos estímulos e movimento dos olhos.

Próximo passo na recuperação de Mingau

Isabella Aglio, filha de Mingau, revelou qual é o próximo passo na recuperação do pai, que segue internado na UTI após ter sido baleado na cabeça. Nas redes sociais, ela contou que o baixista será transferido para uma clínica em breve para seguir com o seu tratamento.

"Passamos de dois meses na UTI, como vocês devem imaginar. As primeiras semanas não foram nada fáceis. Mas, graças a Deus e às equipes que cuidam dele no hospital, os dias de angústia ficaram para trás. Aos poucos, comemoramos cada momento como uma grande vitória: abrir os olhos, mover a cabeça, mexer dedos das mãos e pés... até dar o sorriso mais lindo do mundo! Logo mais vamos para uma clínica onde ele poderá se reabilitar. Um ambiente mais leve para compartilharmos com vocês a sua evolução. [...] Agradecemos de coração a todos que fizeram preces e enviaram palavras de encorajamento. E até o próximo boletim", disse ela.