Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Keira Knightley comenta sobre os casos de anorexia em sua família

A atriz descartou que seja anoréxica, mas falou que sua avó e bisavó tiveram este problema ao longo da vida

CARAS Digital Publicado em 04/02/2014, às 09h08 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Keira Knightely revela problemas de anorexia em membros da família - Getty Images
Keira Knightely revela problemas de anorexia em membros da família - Getty Images

A atriz Keira Knightleyrevelou em entrevista para a Express que não sofre com problemas de anorexia, mas teve familiares que lutaram contra a doença.

"Eu tive um monte de experiências com anorexia. Minha avó, e minha bisavó, sofreram com isso e tive amigos na escola que passaram pela mesma situação. Então não acho que qualquer um pode ser pego levemente [pela doença]", contou a atriz para a publicação nesta semana.

+ Keira Knightley compra casa de US$ 6,5 milhões em Londres

Durante anos, especulou-se que Keira podia ter algum tipo de distúrbio alimentar -- o que foi negado pela protagonista do filme Anna Karenina. "A ideia de fazer dieta me faz querer batata frita e sorvete, e eu odeio ir para a academia. A maioria dos exercícios faço em frente à TV", disse Keira.

Em 2012, ela creditou o corpo escultural aos exercícios de pilates. Ao mesmo tempo, disse que ficou insegura com os comentários sobre sua aparência. "A questão da anorexia sempre terá algum tipo de impacto, então eu acho que pode deixar mais difícil. Eu sabia que não estava anoréxica, mas isso me fez acreditar talvez que alguma coisa no meu corpo não estava certa. Ou a minha cara que não estava boa", afirmou.

+ Keira Knightley repagina vestido de casamento e repete o look em evento

Casada com o músico James Righton, da banda Klaxons, Keira disse estar focada na carreira e que não pretende se tornar uma mãe dona-de-casa. "Será que eu quero me tornar uma mãe pra ficar em casa? Não! Por outro lado, você deve estar disposta para fazer isso, como o homem, sem olhar com qualquer tipo de desprezo", contou.