Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Demi Moore perdeu dentes da frente devido a estresse; dentista explica

O especialista explica que o estresse pode causar danos as estruturas dentais; saiba mais

Bruna Nastas Publicado em 21/06/2017, às 09h50

Demi Moore conta que perdeu dois dentes por conta de estresse - Reprodução
Demi Moore conta que perdeu dois dentes por conta de estresse - Reprodução

A atriz Demi Moore participou do programa do humorista Jimmy Fallon, o 'The Tonight Show', do canal americano 'NBC' e revelou que perdeu os dois dentes da frente por conta de estresse na carreira - e provavelmente também o fim do seu casamento com Ashton Kutcher.

"Eu perdi os dentes da frente. Adoraria dizer que foi andando de skate ou algo assim bacana, mas de todo modo acho importante compartilhar a causa, que, depois do coração, é um dos principais assassinos dos Estados Unidos: o estresse", disse.

O ortodentista e implantodontista, Dr. Mauro Macedo, explica que o estresse pode sim causar danos as estruturas dentais. "O estresse pode desencadear ou agravar hábitos parafuncionais como apertamento dental, bruxismo, e briquismo dental. Esses hábitos funcionam nesses casos como "válvulas escapatórias" frente a  tensões desencadeadas pelo estresse do paciente. O bruxismo é um hábito em que o paciente "range" os dentes enquanto dorme, que pode causar danos irreversíveis as estruturas dentárias como desgastes ao esmalte e dentina, sensibilidade dental ao frio, mobilidade dental e até mesmo gerar associado a outros fatores bolsas periodontais com destruição óssea na sustentação dental. O briquismo é o nome do hábito bruxismo quando o paciente range os dentes durante o dia. O apertamento dental ocorre também em situações de desequilíbrio psíquico como estresse onde o trauma desenvolvido pela força deste apertamento pode gerar trincas no esmalte dental do paciente e em alguns casos até mesmo fraturar o mesmo. ".

O especialista ainda alerta que é difícil o paciente notar o bruxismo, já que muitos deconhecem o hábito noturno de ranger pelo fato de o realizarem dormindo. "Ao sinal clínico de dentes desgastados, sensibilidade a alimentos gelados, mobilidade dental, e musculatura facial "cansada" ao acordar fique atento. Você pode estar sendo vítima de um hábito parafuncional decorrente do seu estresse", conclui.