Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Saiba como funciona a rinoplastia, cirurgia realizada por Anitta

O cirurgião explica as contraindicações e como funciona o pós-operatório; veja as dicas

Bruna Nastas Publicado em 19/02/2016, às 09h17

Anitta rinoplastia - Carol Soares/SBT; Graça Paes/ Brazil News
Anitta rinoplastia - Carol Soares/SBT; Graça Paes/ Brazil News

A rinoplastia é uma cirurgia bem comum em mulheres que não se sentem satisfeitas com a aparência do nariz, assim como a cantora Anitta.

O Dr. Adriano Medeiros explica que esse tipo de procedimento cirúrgico pode ser relacionado ao dorso, "que pode ter uma protuberância que desagrada ou mesmo relacionado a ponta, que pode ser mau definida ou ter um aspecto 'batatinha'. Uma questão muito importante é a dificuldade de respirar pelo nariz e isso pode ser corrigido através da correção da parte funcional".

Segundo ele, o mais importante é conseguir um equilíbrio do nariz com o rosto.

"O pós-operatório é bem suave e não há dor substancial. O curativo é feito com um gesso sintético chamado aquaplast e fica no dorso do nariz durante 7 dias. Depois disso são necessários mais 7 dias usando um curativo com fitas de micropore para conter o edema. A exposição ao sol poderá ser feita após a segunda semana com moderação e nos horários de sol mais ameno", diz Adriano.

De acordo com o cirurgião, esse tipo de procedimento não é indicado para "pacientes com doença de base descompensado como diabéticos, hipertensos, coronariopatas. Pacientes em uso de medicação anticoagulante ou aqueles que não passaram pelo risco cirúrgico. Pacientes muito exigentes, com uma falsa expectativa  de um resultado perfeito ou que desejam o nariz de alguém famoso, pacientes psiquiátricos", conclui.