Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Rafa Brites se derrete pelo lado paizão de Felipe Andreoli: "Eu amei conhecer o pai do meu filho"

"Eu cuido de você. Você de mim. E nós, dele", disse a mamãe de Rocco neste final de semana

CARAS Digital Publicado em 20/02/2017, às 11h09

Felipe Andreoli e Rafa Brites - Instagram/Reprodução
Felipe Andreoli e Rafa Brites - Instagram/Reprodução

Rafa Brites se derreteu ao falar do marido, Felipe Andreoli, neste domingo, 19.

A mãe de Rocco falou sobre as tarefas compartilhadas nos cuidados com o bebê de quase três semanas. "Pai não ajuda. Pai divide. Pai não faz favor. Apenas faz. Pai não fala a frase: 'Hoje estou de babá'. Pai não carrega só bolsa do bebê, o carrega. Não é o motorista enquanto a mãe vai no banco de trás. Essa posição pode inverter também. Pai não pede pra mãe se pode fazer isso ou aquilo com o filho. Pai de primeira viagem não era pai tanto quanto a mãe não era mãe. Eles aprenderão juntos. Isso não quer dizer que o banho seja da mesma forma. Que a fralda fique igual. O pai não tem medo de errar. De derrubar, de afogar. Afinal de contas é o seu filho. Ele tem instinto. E essa palavra não deve ser usada apenas para as mães", disse Rafa em sua conta no Instagram.

+ Preparada para o parto normal, Rafa Brites teve que passar por uma cesárea: 'Cheguei ao meu limite'

A repórter licenciada do Mais Você revelou que amou conhecer o pai de seu filho. "Pai lê os livros. Frequenta os cursos não por medo dos hormônios da esposa grávida, ele quer, ele presta atenção. Anota. Pai senta no bar com os amigos e fica mostrando fotos do seu filhote. Ele cuida da recém mamãe. Ele ajuda na casa. O pai de menino vai ensinar seu filho a ser gentil, doce. Sua filha a ser forte, guerreira e vice e versa. Sem diferenças. Eu amei conhecer o pai do meu filho. Eu me entrego ao sono em paz pois a outra metade está ali. Eu cuido de você. Você de mim. E nós, dele", completou.

Pai não ajuda. Pai divide. Pai não faz favor. Apenas faz. Pai não fala a frase: Hoje estou de babá. Pai não carrega só bolsa do bebê, o carrega. Não é o motorista enquanto a mãe vai no banco de trás.Essa posição pode inverter também. Pai não pede pra mãe se pode fazer isso ou aquilo com o filho. Pai de primeira viagem não era pai tanto quanto a mãe não era mãe.Eles aprenderão juntos. Isso não quer dizer que o banho seja da mesma forma. Que a fralda fique igual. O pai não tem medo de errar. De derrubar de afogar. Afinal de contas é o seu filho. Ele tem instinto. E essa palavra não deve ser usada apenas para as mães. Pai lê os livros. Frequenta os cursos, não por medo dos hormônios da esposa grávida, ele quer, ele presta atenção.Anota. Pai senta no bar com os amigos e fica mostrando fotos do seu filhote. Ele cuida da recém mamãe.Ele ajuda na casa. O pai de menino vai ensinar seu filho a ser gentil, doce. Sua filha a ser forte, guerreira e vice e versa. Sem diferenças. Eu amei conhecer o pai do meu filho. Eu me entrego ao sono em paz pois a outra metade está ali... @andreolifelipe Eu cuido de você. Você de mim. E nos dele.

Uma publicação compartilhada por Rafa Brites (@rafabrites) em