Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Bebê / Fofura

Em Orlando, Bella Falconi deixa a maternidade com a filha Stella

Bebê é fruto da relação da blogueira com o empresário Ricardo Rocha

CARAS Digital Publicado em 22/08/2018, às 08h54 - Atualizado às 09h20

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Bella Falconi - Reprodução/Instagram
Bella Falconi - Reprodução/Instagram

Bella Falconi deu à luz sua segunda filha, Stella, na última segunda-feira, 20, em Orlando, nos Estados Unidos.

Nas redes sociais, a nutricionista e blogueira fitness divulgou uma foto deixando a maternidade e celebrando os 3 anos da mais filha mais velha, Vicky, fruto do casamento com o empresário Ricardo Rocha, conhecido como Maguila. Na publicação, a morena e toda a família aparecem combinando os looks com uma camiseta.

"Hoje é aniversário da Vicky Falconi e olha o presentão que estamos levando pra casa! Obrigada Deus maravilhoso", escreveu ela.

A imagem recebeu  mais de 400 mil curtidas e foi muito elogiada pelos fãs: "Que lindos", escreveu um seguidor; "Família linda", apontou outro; "Linda família! É uma delícia ter duas meninas", disse um leitor.

Após o nascimento da herdeira, Bella relatou como foi o parto normal da bebê“Cheguei no hospital pouco antes da meia-noite. As contrações já estavam fortes e doloridas e minha mente focada em trazer Stella ao mundo através de um parto natural lindo. Já entrei no hospital com quase 5 cm de dilatação... algumas horas se passaram, mas a minha dilatação não aumentou mais. Tomei doses gradativas de oxitocina e segui firme no propósito de não tomar anestesia. Depois da oxitocina, minha dilatação aumentou rápido e as dores também. Eu nunca senti tanta dor na minha vida. Pensei que fosse desmaiar, minha pressão despencou, fui até 8 cm sem nada de anestesia, até o momento que minha dor já estava me deixando louca a ponto de querer arrancar meu próprio cabelo (sim eu puxei meu próprio cabelo e arranquei um tufo rs), mordi o braço da minha mãe e quase quebrei o dedo do Maguila. Gritei tanto mas tanto que devo ter acordado todos os bebês do hospital. Não teve jeito – tive que abrir mão do meu sonho e aceitei a anestesia. Fraca eu? Jamais. Fui muito corajosa e me dei o direito de mudar de plano [...]".

Veja: