Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Rafael Cardoso e Mariana Bridi aguardam ansiosos a chegada de Aurora, sua primeira filha

Aurora, filha de Rafael Cardoso e Mariana Bridi, chegará ao mundo por meio do parto humanizado. Em entrevista, o casal fala da ansiedade à espera da primeira filha - Mariana está na 38ª semana - e sobre a gestação tranquila

CARAS Publicado em 23/09/2014, às 13h49 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

No Rio, ao lado da mulher, Mariana Bridi, Rafael mostra peça do enxoval da primogênita. - MARIANA VIANNA
No Rio, ao lado da mulher, Mariana Bridi, Rafael mostra peça do enxoval da primogênita. - MARIANA VIANNA

Os últimos dias têm sido de emoções à flor da pele para o galã Rafael Cardoso (28). Até nas gravações de Império como o chef Vicente, ele não tira o celular do bolso. Afinal, a qualquer minuto pode receber a notícia de que Aurora, sua primeira filha com a atriz e empresária Mariana Bridi (29), está nascendo. “Agora, ele atende quase com uma pergunta: ‘Amor, alô? Tudo bem?!?’”, diverte- se Mariana, que está na 38ª semana de gravidez. Apesar da expectativa, o casal demonstra tranquilidade, como se vê na matéria exclusiva para CARAS, no Rio.

“Trabalhamos nossa paz interior, fizemos o que precisava. Então, acho que tudo flui ao natural, sem pavor”, ressalta o ator que, até novembro, inaugura o restaurante Puro, no bairro carioca do Jardim Botânico, com aposta na alta gastronomia e uso de produtos frescos, além de “receitas da vovó”. Entre seus sócios, o chef Pedro Siqueira (35) e a atriz Regiane Alves (36). Babão com a chegada da filha, Rafael vive com intensidade cada momento da gestação da mulher. “Ele também teve enjoo. E até na hora do ultrassom, deita do meu ladinho. A médica se acostumou”, diz Mariana, que, apoiada pelo marido, optou pelo parto humanizado.

A vinda do bebê não mexeu só com o casal, a família toda está “grávida”. Pai do ator, João Car­doso, que vive em Porto Alegre, já está no Rio. Os avós maternos, Edson Spinello (53), diretor de TV, e Sônia Bridi (50), repórter da Globo, também estão ansiosos. “Minha mãe viajou e, antes de ir, falou com a Aurora: ‘Espera a nona Bridi voltar, hein?’”, lembra ela.

Enquanto a filha não chega, Mariana dedica-se  à confeitaria Doce Aurora, em que cria bolos, entre eles naked cakes, personalizados para entrega. “O de churros é um sucesso”, conta ela.

Por que a preferência pelo parto humanizado?

Mariana - Para poder passar pelo processo natural de não ter intervenções, como tomar anestesia. Desde o início, a médica disse que achava ótima a decisão. Mas, se precisar passar por uma cesárea, vou aceitar tranquilamente.

Rafael – O primeiro contato do bebê será conosco, os pais. E o parto natural, por si só, libera o que precisa, ajuda a descer o leite, desperta mais a criança.

Passou bem toda a gravidez?

Mariana – Enjoei muito nos três primeiros meses, foram mais difíceis do que agora no final, com todo o peso e o barrigão. Mas, ao mesmo tempo, nada que fosse sofrido. Se enjoava, era porque o bebê estava crescendo dentro de mim. São grandes transformações pelas quais o corpo passa. 

Rafael – Mari não teve muita frescura. Cozinhei algumas vezes para ela, teve desejo de bife à milanesa, rabada, sorvete. Brinco que passou tão bem na gravidez, que vou querer mais cinco filhos.

Mariana – Querer não é poder, meu amor.

Como é ver as mudanças da Mariana na gravidez?

Rafael – Acho que está linda, é a melhor fase da mulher. Imagina, gerando uma vida. É mágico, fica com outra beleza, não a que estamos acostumados, de estereótipo social, é algo interno, de alma. Muda a percepção de tudo.

Mariana – É esquisito, parece que o corpo não lhe pertence mais. Mas estou tão feliz... Tenho certeza de que quando olharmos para a carinha da Aurora, vai ser inexplicável. Muito louco saber que o tanto que amo o Rafa e ele a mim vai estar neste bebezinho.

O que mudou em você desde a descoberta de que seria pai?

Rafael – Agora penso três vezes antes de sair tarde para buscar algo, uma cerveja, tem a Aurora, pode ser perigoso. Com o amor, vem a responsabilidade. 

E como você define este momento de sua vida, Rafael?

É de total celebração. Venho trabalhando há anos como ator, a gastronomia também sempre andou junto. E quando estávamos com a obra do restaurante, me deram a notícia de que iria fazer este personagem, um chef. Olha a sincronicidade das coisas! Sem querer nada, criei o blog Puramesa, para dividir o que aprendia, nunca fiz curso de gastronomia, sempre fui curioso pela alquimia das coisas. E para coroar tudo, minha relação com Mari está na melhor fase, a vinda dessa figurinha para ensinarmos as melhores coisas, trazer luz nova e paz para este mundão.