Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / Vai voltar!

Zé Vaqueiro anuncia volta aos palcos, e pede oração pelo filho que segue internado

O cantor Zé Vaqueiro falou sobre a volta aos palcos e pediu para que os fãs continuem orando pelo filho caçula, Arthur, que está na UTI

Daniela Santos

por Daniela Santos

dsantos_colab@caras.com.br

Publicado em 17/08/2023, às 17h36

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Zé Vaqueiro anuncia volta aos palcos - Reprodução/Instagram
Zé Vaqueiro anuncia volta aos palcos - Reprodução/Instagram

Na tarde desta quinta-feira, 17, o cantor Zé Vaqueiro usou as redes sociais para anunciar que vai voltar aos palcos. Ele cancelou alguns shows porque seu filho caçula, Arthur, foi parar na UTI após nascer com uma malformação congênita, decorrente da síndrome da trissomia do cromossomo 13.

Em seu perfil no Instagram, o artista falou sobre retornar aos palcos e agradeceu o apoio e o carinho dos fãs durante esse momento delicado que sua família está enfrentando. Ele também pediu para que os seguidores continuem orando pelo herdeiro, fruto de seu relacionamento com Ingra Soares.

"Dia 18 agora estaremos retornando a agenda de shows. Quero muito agradecer o carinho de cada um de vocês, agradecer o respeito que todos estão tendo e que tiveram também com tudo que a gente tá vivendo hoje. Creio que Deus tem o melhor para cada um de nós, que está no controle de tudo, mas sempre que forem orar, peço que continuem colocando a saúde e a vida do meu filho Arthur na oração de vocês, a minha família também, porque eu creio que Deus tudo pode", pediu. 

Depois, Zé Vaqueiro desabafou. "Desde quando descobrimos a gravidez da Ingrid, fizemos vários ultrassons para acompanhar porque foi detectado nele a mega bexiga. O médico já tinha falado que se essa mega bexiga não diminuísse, possivelmente seria o indício que ele nasceria com alguma síndrome, a gente só não sabia qual era ainda. A gente foi acompanhando tudo isso."

"Ela fez o exame, que é bem invasivo, precisou furar a barriga da Ingra e ele coletou a amostra [de líquido amniótico] para saber qual era a síndrome. Foi detectada a síndrome da trissomia do cromossomo 13. Fomos acompanhando de perto, orando muito, não tinha ainda falado para vocês. Estávamos orando para que Deus fizesse o milagre e protegesse a vida dele e da minha esposa e que ele nascesse, que viesse com saúde [...]", acrescentou. 

O cantor explicou que o filho ainda está internado. "Ele ainda está no hospital, mas a gente tem visitado ele, acompanhado, orado muito e dando amor e carinho. Se Deus operar, vamos levar ele para casa. Ele está pertinho da gente. Quando a saudade aperta, a vontade de levar para casa é gigantesca, mas creio que é tudo no tempo de Deus. Desde já agradeço o carinho que vocês tiveram e as orações. Continuem orando."

"Vou retornar aos shows porque tenho dado e recebido muita força da minha família e também quero receber o carinho e a força de vocês, pra também levar essa força e esse carinho para casa. Creio que mais uma vez a gente vai vencer. Ele tudo pode [...]", completou ele, que fará um show dia 18 de agosto em Imperatriz, no Maranhão, e 19 em Tarumirim, Minas Gerais. 

Vale lembrar que Zé e Ingra também são pais de Nicole, de 13 anos, e Daniel, de 3.

Confira o vídeo completo: 

Entenda a doença

O filho de Zé Vaqueiro nasceu com a trissomia do cromossomo 13, uma malformação genética que faz com que o indivíduo nasça com um cromossomo a mais no par 13. A doença é bastante rara, atingindo menos de 15 mil pessoas no Brasil por ano, e pode provocar uma deficiência mental grave e deficiência física.

O diagnóstico pode ser feito ainda nos exames pré-natais, durante a gestação. A síndrome não tem cura e, para ter uma melhor qualidade de vida, o paciente precisará ter acompanhamento e tratamento médico multidisciplinar por toda a vida. Apesar disso, a maior parte dos pacientes acometidos pela doença não passa dos 10 anos de vida.