atualidades polêmica

Mulher que acusa Neymar de estupro tem conversa com ex-advogado mostrada: ''Deveria ter matado ele''

Conversa entre mulher que acusa Neymar de estupro e seu ex-advogado é mostrada ao "Jornal Nacional''

CARAS Digital Publicado segunda 3 junho, 2019

Conversa entre mulher que acusa Neymar de estupro e seu ex-advogado é mostrada ao
Suposta vítima de estupro teve conversa com advogado mostrada ao "Jornal Nacional" - Reprodução/Instagram

A acusadora de Neymar teve a conversa com seu ex-advogado mostrada nesta segunda-feira, 03, no "Jornal Nacional".

O veículo da Rede Globo entrou em contato com a suposta vítima de estupro, contudo, quem atendeu foi sua nova advogada no caso.

A representante legal da modelo então mostrou a conversa dela com o ex-advogado, José Edgar Bueno. No trecho mostrado no programa, a garota fala. "Por que a gente não joga logo na mídia para acabar com a carreira desse pipoqueiro logo de vez? Ele me espancou e me estuprou", diz ela.

Logo em seguida, ele responde. "Calma isso logo depois de apresentarmos a denúncia", tentou ele levar o caso com cautela. E ela se mostrou impaciente. "To com raiva, Zé, eu deveria ter matado ele quando tive a chance", declarou.

Enquanto o advogado tentou mais uma vez explicar a situação. "Não vai ficar impune. Mas você tem que saber que uma briga dessas demora, por isso tentei o acordo", explicou o motivo de ter ido à casa do pai de Neymar.

E a garota novamente se desespera. "Nem que eu tenha que me envolver com os caras do PCC", falou sobre uma das maiores organizações criminosas do Brasil.

Enquanto ainda estava no caso, José tentou convencer a mulher a não divulgar o vídeo gravado por ela em um segundo encontro entre os dois. 

Procurado pelo jornal, o advogado explicou o motivo de não trabalhar mais para a moça. "Eu fui contra qualquer medida bombástica. E até que chegou em um momento, de forma mais dura, ela ter me acusado a minha ética, né, profissional a respeito do que eu estaria fazendo. Então por essa questão, por uma questão de que eu não me senti mais à vontade de representá-la. Então não fazia mais sentido", declarou.

Ainda nesta segunda-feira, 03, o pai de Neymar foi a um programa da Band para dar a sua versão da história. O caso ficou ainda mais complicado com as novas provas entregues pela suposta vítima.

APROVEITE E CONFIRA:

NEYMAR JR SE DEFENDE, EXPÕE CONVERSA E PAI FAZ REVELAÇÃO ​ 

Último acesso: 09 Jul 2020 - 22:09:35 (321153).