CARAS Brasil
Busca
Facebook CARAS BrasilTwitter CARAS BrasilInstagram CARAS BrasilYoutube CARAS BrasilTiktok CARAS BrasilSpotify CARAS Brasil
Atualidades / Rebateu!

Lore Improta rebate críticas por continuar trabalhando após maternidade

Casada com Leo Santana, Lore Improta rebate críticas por continuar trabalhando após se tornar mãe de Liz; confira!

Liz e Lore Improta - Foto: Reprodução / Instagram
Liz e Lore Improta - Foto: Reprodução / Instagram

Recentemente, a dançarina Lore Improta afirmou que divide papéis com seu marido, o cantor Leo Santana, na criação da filha do casal, Liz, de 2 anos. Isso para que ambas as partes sempre estejam presentes na vida da pequena. No entanto, ela revelou que também vive recebendo críticas por continuar trabalhando, assim como o pai da bebê.

Em conversa com a Quem, a loira afirmou que recebe muitas ofensas de internautas por não deixar sua carreira para cuidar de sua filha, vendo que seu marido tem condições de sustentar sua família sozinho. Segundo Lore, as pessoas tentam desvalorizar seu trabalho com esse discurso.

"As pessoas me colocam nessa caixa do ‘seu marido é rico, por que você vai trabalhar?’. Não é sobre meu marido ser rico, é sobre ter o meu propósito, ter o meu combustível, o meu trabalho, as minhas conquistas. Gosto de comprar as minhas coisas, as minhas joias, fazer uma viagem se quiser fazer, comprar algo para a minha filha, ajudar minha família. Isso soma com o meu marido", afirmou a famosa.

A dançarina ainda afirmou que as ofensas também vem por ela ser de origem nordestina. "Isso acontece em vários sentidos, por eu ser dançarina, por eu ser nordestina, por eu ter um marido rico. As pessoas tentam desvalorizar a gente em várias vertentes, mas me acho uma mulher muito potente, uma mulher que corre atrás dos sonhos", disse Lore.

Saiba como Lore Improta e Leo Santana dividem a criação da filha

Em reflexão sobre a criação de sua filha, Liz, a dançarina Lore Improta destacou que ela e seu marido, Leo Santana, tem uma divisão clara de papéis. Ela também falou, com base em pesquisas, do impacto que a presença ou ausência dos pais pode ter na vida de uma criança.

"Mesmo na rotina de trabalho que eu e Léo temos e com toda a rede de apoio que, entendo, gente, que eu sou privilegiada de ter, nós temos uma divisão clara, claríssima, dos papéis na criação de Liz. Porque a ausência dos pais impacta todo o entorno da criança. O objetivo é construir um ambiente confortável na criação dos filhos. Então, converse, ouça, exponha os pesos, seus sentimentos e encontrem juntos uma forma da parentalidade ser mais confortável", disse a dançarina. 

Ela também falou sobre a importância dos homens estarem presentes na criação dos filhos. "Você não fez o seu filho sozinha. Então, você não tem que criar ele sozinha. Isso vai muito além do relacionamento que você tem com o pai do seu filho, por exemplo. É sobre o compromisso de vocês com a criação da criança que vocês colocaram no mundo. Um pai é tão responsável afetivamente pelo filho quanto uma mãe", analisou.

Ela também citou pesquisas que reforçam como a ausência paterna afeta negativamente a vida da criança e o desenvolvimento pessoal e profissional na vida adulta. "Se o pai não participa ativamente da criação do filho, ele é ausente. Dividir as tarefas, o peso e a alegria de criar um filho juntos é algo fundamental, que deveria ser natural, e não cobrado como, infelizmente, ainda é na maioria das casas. Quando a criança cresce num ambiente igualitário, ela entende e valoriza desde cedo essa igualdade dos gêneros, essa parceria, o apoio mútuo, o envolvimento ativo, a comunicação, a flexibilidade e capacidade de adaptação em meio à rotina criam um ambiente familiar equilibrado e saudável", refletiu Lore Improta na publicação.