Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / MÚSICA

Kell Smith revela inspiração em Tarsila do Amaral para novo álbum: 'Me achando'

Em entrevista à CARAS Brasil, Kell Smith refletiu sobre raízes dos pais, amor pelo Brasil e aniversário de 30 anos

Kell Smith marca mais um álbum para sua carreira - Reprodução/YouTube
Kell Smith marca mais um álbum para sua carreira - Reprodução/YouTube

Kell Smith (30) marca o ano de 2023 com seu aniversário de 30 anos e mais um álbum para sua carreira, com Não é Só Mais um Álbum de Amor. Em entrevista à CARAS Brasil, a cantora refletiu sobre raízes dos pais e amor pelo Brasil, além de revelar inspiração em Tarsila do Amaral para o projeto: "Me achando".

"Surgiu tudo de um livro da Tarsila do Amaral que eu ganhei de presente do Marcelo Lobato, um super amigo meu. O livro veio com diversas anotações, e ele dizia assim: 'Olha, anotei o que achei que vocês têm de semelhante'. Falei: 'Nossa, eu e Tarsila do Amaral? Preciso ler esse livro. Fiquei me achando [risos]", compartilhou Kell Smith.

"Realmente, [a conexão] foi o questionamento do que é disruptivo, do que realmente é arte, das novas formas de arte, daquilo que passa o interior brasileiro. Fui atingida por isso com a Tarsila. O álbum começa de uma apreciação literária", acrescentou a cantora.

Ao sentir a responsabilidade de falar sobre os tempos atuais no novo álbum, Kell Smith refletiu sobre as influências dos pais no projeto e os 30 anos completados em 2023. "É um álbum no ano que eu 'trintei', tão importante para mim. É a idade dos sonhos de todo noventista que assistiu De Repente 30. Cheguei eu, e o que ofereço para o mundo agora, com 30 anos?". 

Leia também: Kell Smith revela inspiração em Tarsila do Amaral para novo álbum: 'Me achando'

"É um álbum que fala de amor, do meu amor pelo tanto de Brasil que tem dentro do Brasil em cada cantinho, que reflete uma artista filha de um pernambucano e uma paulista. Tem a mistura desse lugar urbano e do que é nosso do sertão, do Nordeste, que me influencia demais. Todos esses amores, nesse lugar. O álbum foi nascendo da ideia de expor meu amor pela música brasileira e pelos amores que me atravessaram ao longo da vida", completou a cantora.