Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / Família

Juliano Cazarré conta sobre a recuperação da filha caçula, que está internada

Juliano Cazarré fala sobre a filha que está internada: 'De vez em quando dá um susto na gente'

CARAS Digital Publicado em 12/07/2022, às 15h43

Juliano Cazarré - Foto: Reprodução / Instagram
Juliano Cazarré - Foto: Reprodução / Instagram

O ator Juliano Cazarré contou que precisou voltar ao Rio de Janeiro após acompanhar o nascimento e os primeiros dias de internação da filha caçula, Maria Guilhermina, que nasceu com um problema no coração, em São Paulo. Ele contou que a esposa, Leticia Cazarré, continua na capital paulista com a filha caçula e ele foi para o Rio de Janeiro para ficar com os filhos mais velhos: Vicente, Inácio, Gaspar e Maria Madalena.

Nas redes sociais, o artista fez uma live com uma meditação e uma oração e contou mais sobre a sua família. "Estou no Rio de Janeiro com as crianças porque elas estão precisando da gente, os quatro, cada um com um tipo de problema. A Maria Madalena está muito chorosa sentindo falta da mãe, não sabe o que está acontecendo. Os mais velhos assistindo TV até mais tarde, fugindo dos horários. Estou aqui para colocar as coisas nos eixos", contou ele. 

Então, o artista falou sobre a recuperação da caçula. "A Maria Guilhermina nasceu precisando de cirurgia cardíaca. Ela está se recuperando bem, de vez em quando dá um susto na gente. Ontem ela deu baita susto lá em São Paulo. A Letícia está passando por isso com muita força e serenidade, está segurando uma bronca", declarou. 

Maria Guilhermina nasceu no dia 21 de junho em um hospital de São Paulo e precisou passar por uma cirurgia cardíaca. Ela nasceu com uma cardiopatia congênita rara, chamada de Anomalia de Ebstein, e segue internada.

Atualmente, Juliano Cazarré pode ser visto como o personagem Alcides no remake da novela Pantanal, da Globo. 

Assista ao vídeo de Juliano Cazarré: