Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / Sincera!

Irmã de Amber Heard quebra silêncio após derrota da atriz contra Johnny Depp: "Sei o que vi"

Whitney Henriquez, irmã de Amber Heard, quebra silêncio após derrota da atriz contra Johnny Depp e relembra caso de violência

Redação Publicado em 06/06/2022, às 13h40

Irmã de Amber Heard quebra silêncio após derrota da atriz contra Johnny Depp - Foto/Instagram
Irmã de Amber Heard quebra silêncio após derrota da atriz contra Johnny Depp - Foto/Instagram

A irmã de Amber Heard (36), a modelo Whitney Henriquez, quebrou o silêncio e falou pela primeira vez sobre a perda da irmã no caso contra o seu ex-marido Johnny Depp (58).

No dia 1º de junho, o júri considerou que a atriz difamou o ator em seu editorial do Washington Post, publicado em 2018, onde declarou que era vítima de uma relação abusiva.

“Eu ainda estou com você, mocinha. Ontem, hoje e amanhã sempre estarei orgulhosa de você por se defender, por testemunhar tanto aqui na Virgínia quanto no Reino Unido e por ser a voz de tantos que não podem falar sobre as coisas que acontecem a portas fechadas", escreveu ela.

"Sabíamos que esta seria uma batalha difícil e que as cartas estavam contra nós. Mas você se levantou e falou independentemente. Estou muito honrada em testemunhar por você, e faria isso um milhão de vezes porque sei o que vi e porque a verdade está para sempre do seu lado. Sinto muito que isso não tenha se refletido na decisão tomada por este júri, mas nunca vou desistir de você, e nem qualquer um que esteja com você. Para sempre ao seu lado", continuou ela, marcando a atriz, em seu Instagram.

Irmã de Amber Heard quebra silêncio após derrota da atriz contra Johnny Depp:

Whitney Henriquez testemunha contra Johnny Depp e afirma agressões violentas:

Durante o julgamento, Whitney Henriquez testemunhou, afirmando que o ator bateu repetidas vezes no rosto de Amber Heard quando os dois eram casados. Ela ainda contou que o ator lhe ofereceu um acordo para que não revelasse o incidente.

Segundo a irmã de Whitney, Depp estava alcoolizado e a atriz o acusava de traí-la com uma mulher. Ele, então, teria culpado Amber pela traição e a chamado de "saco de lixo". Então, a atriz devolveu a ofensa lhe chamando "velho" e "gordo".

Em determinado momento, Johnny teria então tentado agredir Whitney pelas costas. Para proteger sua irmã, Heard teria socado o ex-marido. O ator teria então pego a ex-mulher pelo cabelo e batido nela diversas vezes.

Entenda o caso:

Johnny Depp processou Amber Heard após um artigo publicado em dezembro de 2018, em que a atriz relatava abusos domésticos sem citar o nome de Depp. No processo, o ator pedir 50 milhões de dólares. 

Amber contra atacou, acusando um antigo advogado do ex marido de tê-la difamado. A atriz pedia 100 milhões de dólares. 

O casal se conheceu nas gravações do filme Diário de um Jornalista Bêbado, e se casaram em 2015. Após dois anos juntos, Amber e Johnny se divorciaram.