atualidades Complicou!

Filho de Betty Faria é alvo de mandado de busca e apreensão por envolvimento com drogas

Empresário teria se envolvido com o tráfico para conseguir drogas como Ecstasy e MD

CARAS Digital Publicado quinta 21 março, 2019

Empresário teria se envolvido com o tráfico para conseguir drogas como Ecstasy e MD
Filho da atriz estava sendo investigado pelos órgãos oficiais - Reprodução/Instagram

Nesta quinta-feira, 21, João de Faria Daniel, filho de Betty Faria e Daniel Filho, foi alvo de uma investigação da Polícia Civil do Rio de Janeiro. Segundo um comunicado oficial da assessoria da Polícia, o empresário de 43 anos estava sendo investigado por uma operação em parceria com o Ministério Público Estadual, sobre o tráfico de drogas na capital fluminense.

De acordo com o documento o filho da atriz global teria envolvimento na situação, devido ao fato de ter conseguido drogas como Ecstasy e MD para uma festa de aniversário. O evento que aconteceu na Zona Sul do Rio de Janeiro foi o ponto de partida para que os oficiais fossem em busca dos desdobramentos da origem das drogas sintéticas.

Por enquanto, a estrela da TV Globo ainda não se pronunciou sobre o ocorrido com o herdeiro. Em uma nota oficial, a Polícia Civil explicou o caso e ainda citou que a operação é um desdobramento de uma investigação responsável por abordar crimes de lavagem de capitais e agiotagem.

"A Secretaria de Estado de Polícia Civil, por meio do Núcleo de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro, com apoio do Ministério Publico Estadual realiza, nesta quinta-feira (21), a Operação Celebrate. A ação tem como objetivo cumprir dois mandados de busca e apreensão contra João de Faria Daniel, investigado por tráfico de drogas”, dizia o comunicado.

No decorrer da nota, ainda é citado o evento de aniversário do empresário:

“A operação é desdobramento de uma investigação que apura os crimes de agiotagem e lavagem de capitais. De acordo com o apurado, João teria conseguido drogas conhecidas como Ecstasy e MD para uma festa de aniversário ocorrida em um local de luxo na Zona Sul do Rio”.

Por fim, foi afirmado que a operação terá continuidade na Barra da Tijuca, onde será investigada uma farmácia.

“Os agentes cumprem ainda um mandado de busca e apreensão na sede da Farmácia Farma Trim, na Barra da Tijuca. No local estariam sendo vendidos medicamentos controlados sem receita e receitas médicas falsas."

Último acesso: 24 Sep 2020 - 00:14:18 (315959).

TV CARAS