Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / Que susto!

Carlinhos Maia desabafa ao se sentir pressionado após assalto em seu apartamento

Carlinhos Maia rebate as críticas dos internautas para revelar logo quem entrou em seu apartamento: 'Isso não é um filme'

CARAS Digital Publicado em 04/06/2022, às 14h42

Carlinhos Maia - Foto: Reprodução / Instagram
Carlinhos Maia - Foto: Reprodução / Instagram

O humorista Carlinhos Maia (30) abriu o coração em um desabafo nas redes sociais após se sentir pressionado pelos internautas. Ele contou que as pessoas querem saber logo quem entrou em seu apartamento e roubou suas joias. Porém, ele disse que a investigação leva tempo e confia na polícia.

Galera! Eu sei que a internet deixa tudo 20 vezes mais acelerado... E vejo as pessoas irritadas querendo o desfecho da história do apartamento... Com todo respeito, isso não é um filme, isso é um crime. Se tá chato pra vocês, imagine para nós? Estou pouco me lixando para o que foi roubado, porque nunca fui ligado ao material, quero saber quem mandou roubar. E vamos descobrir. A polícia está trabalhando 24 horas nesse caso. Assim que podermos dar informações concretas, será dada, mas como resolver um crime que pode ter levado meses para ser arquitetado, em uma semana? Confio na polícia”, disse ele.

Então, o artista também falou sobre como se sente com as críticas ao seu sofrimento neste momento. “Pra muita gente tudo é sobre engajamento! Caramba, é minha casa, gente. Um dos maiores sonhos da minha vida. Eu tenho sentimentos de gente, não sou uma máquina. Parece que o fato de eu ter 'dinheiro hoje em dia', me anula de sofrer, de sentir, e essa invasão é mimimi, porque eu tenho 'dinheiro'. Dinheiro não compra paz. Fico grato pelo barulho, porque graças a isso estamos perto”, escreveu nos stories do Instagram.

O apartamento de Carlinhos Maia foi invadido há poucos dias e os assaltantes levaram joias e outros itens de valor, que, juntos, podem chegar a R$ 5 milhões.

Posts de Carlinhos Maia sobre o assalto: