CARAS Brasil
Busca
Facebook CARAS BrasilTwitter CARAS BrasilInstagram CARAS BrasilYoutube CARAS BrasilTiktok CARAS BrasilSpotify CARAS Brasil
Atualidades / SAÚDE

Câncer de Preta Gil é o 2ª mais frequente em mulheres, diz especialista

Segundo especialista, câncer enfrentado por Preta Gil tem chances de cura em mais de 95% dos casos

por Surenã Dias

sdias_colab@caras.com.br

Publicado em 12/01/2023, às 20h10

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Preta Gil está foi diagnosticada com adenocarcinoma, um câncer no intestino - Foto: Reprodução / Instagram
Preta Gil está foi diagnosticada com adenocarcinoma, um câncer no intestino - Foto: Reprodução / Instagram

Preta Gil (48) foi diagnosticada com câncer de intestino na última terça-feira, 10, pegando vários fãs de surpresa. A notícia chegou após a cantora ter passado alguns dias internadas em um hospital, no Rio de Janeiro. A artista está enfrentando um adenocarcinoma, que segundo especialista, tem chances de cura em mais de 95% dos casos.

Conforme o cirurgião do aparelho digestivo Dr. Rodrigo Barbosa, o adenocarcinoma é um tumor maligno que pode acometer vários segmentos do trato digestivo, incluindo a parte final do intestino, como no caso da cantora. Pode surgir como pólipos e evoluir para o adenocarcinoma.

“A incidência desse tipo de câncer vem aumentando e atualmente pode ser considerado o segundo tipo de câncer mais frequente em mulheres e o terceiro em homens. Como na fase inicial não costuma apresentar sintomas, por isso é tão importante a realização da colonoscopia de rotina para se identificar logo no início”, disse.

Apesar de ser um câncer com altas possibilidades de cura, Rodrigo afirma que, em fase avançada, os sintomas podem gerar grandes desconfortos na região abdominal, alteração nas fezes como sangramento ou alteração no formato das fezes, dor anal e até emagrecimento sem causa.

Para prevenir casos do tipo, é indicado fazer exame de colonoscopia, que deve ser realizado por todos a partir dos 45 anos, ou antes em pessoas com histórico familiar. “No exame já é possível retirar as lesões, e nos casos mais avançados pode ser necessária a cirurgia e quimioterapia e se acometer o reto é necessário cirurgia e radioterapia -- tudo a depender de cada caso”, alerta.

PRETA GIL FOI INTERNADA AS PRESSAS

Desde a última semana o estado de Preta Gil começou a chamar atenção da imprensa. A artista teria chegado muito debilitada no hospital, onde rapidamente passou a fazer exames para tentar identificar seu problema de saúde. 

Após a repercussão de sua internação, Preta apareceu nos stories do Instagram para tranquilizar os fãs. Ela afirmou que estava acompanhada de seus familiares e não gostaria de deixar os admiradores preocupados com seu estado

"Não quero que fiquem preocupados, estou sendo muito bem assistida por uma junta médica. Estou cercada da minha família e amigos mais íntimos e estou confiante que, seja o que for, vamos tratar e ficarei bem. Tenho muita fé em Deus, nos meus Orixás, nas minhas Santas e na vida. Assim que tiver informações mais precisas, dividirei com vocês, como sempre fiz ao longo desses anos. Amo vocês, se cuidem, cuidem de quem amam e fiquem em paz", afirmou.