atualidades Eita!

Após ser acusada de intolerância religiosa, Luisa Mell se defende: ''A gente mostra e prova''

Luisa Mell publica texto em defesa de sua iniciativa após ser acusada de intolerância religiosa

CARAS Digital Publicado sexta 25 outubro, 2019

Luisa Mell publica texto em defesa de sua iniciativa após ser acusada de intolerância religiosa
Luisa Mell se defende após grave acusação de intolerância - Instagram

Após ser acusada de intolerância religiosa, Luisa Mell usou as redes sociais para defender as acusações que recebeu.

Com um texto de desabafo, a ativista afirmou: ''Recebemos o pedido de ajuda por e-mail de uma protetora que já ajudamos outras vezes. Ela nos contou a terrível maldade que aconteceu com esta cachorra. Foi usada em ritual macabro. Nosso corpo de veterinários confirmou que NÃO poderia ser atropelamento! Que eram lesões propositais! Nós resgatamos animais atropelados toda semana, temos bastante experiência no assunto'', começou.

''Esta cachorra está conosco, sendo tratada! Por causa de uma pessoa que diz que está com a cachorra e que ela foi atropelada dezenas de pessoas estão tentando destruir com nosso sério e importante trabalho! Peço que esta pessoa que diz que é a veterinária responsável pelo caso se apresente com nome telefone para que possamos confrontar as informações'', declarou, cobrando a veracidade dos fatos apresentados.

Luisa ainda aproveitou para ressaltar a importância de seu trabalho ''Aqui a gente mostra e prova! Porque falar qualquer coisa na internet é fácil... irresponsável e cruel. Desde o começo do ano, depois do resgate dos 1.700, dezenas de criadores e outras pessoas que tem seus negócios ameaçados pelo meu trabalho tentaram destruir''.

''Todo dia outra mentira é lançada sobre meu trabalho... minha idoneidade! Mas a verdade sempre se impõe! Já passei tantas vezes por isso... espero que não consigam prejudicar tantos animais que salvamos graças ao apoio de todos vocês!'', desabafou. 

Último acesso: 14 Jul 2020 - 01:40:55 (332983).