UMA HERANÇA DE BELEZA NA FAMÍLIA SCHNEIDER

Com as filhas, Victoria e Nathalia, Naura celebra seu momento pessoal em Gramado

sexta 7 novembro, 2008
Natural de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, a atriz Naura Schneider (38) orgulha-se de sua história um pouco fora dos padrões da maioria das mulheres. Na companhia das filhas, a estudante de Direito e modelo Nathalia (22), do casamento com o engenheiro Ricardo Silva (50), e de Victoria (13), da união com o também engenheiro Mauro Romano (60), ela revela que foi mãe aos 17 anos e, aos 20, já se mudava para o Rio, após um convite para trabalhar na Globo. "Não me enquadrava na regra de que a mulher nasce para casar e ter filho, sem ter uma profissão. Não aceitar esta situação me custou caro, abri mão de muitas coisas na vida pessoal. Minhas separações foram muito em função disso. É difícil para os homens entenderem que nós não estamos competindo com eles", analisa ela, em visita a Gramado, na serra gaúcha. Formada em jornalismo, Naura soma em seu currículo trabalhos na minissérie O Portador (1992), de Herval Rossano (1935-2007), e em novelas como Despedida de Solteiro (1992), Radical Chic (1993) e Senhora do Destino (2005). Seu novo desafio é no cinema, onde estreou como produtora no filme Dias e Noites, em cartaz desde outubro. No longa, ela também faz o papel de Clotilde, a mulher submissa protagonista da história baseada no livro Clô Dias e Noites, de Sérgio Jockymann (78). "Graças a Deus, nunca vivi nenhuma situação de violência como a minha personagem", assegura ela. Atualmente solteira, Naura revela estar aberta para um novo amor. "Sou uma romântica, sonhadora. Muita gente me acha louca quando digo que quero casar de novo e ter outro filho. Mas família é a melhor coisa que existe", afirma. Dona de um corpo invejável - 54 quilos em 1,67m de altura - ela conta que mantém a forma fazendo pequenas refeições durante todo o dia. "Costumo ingerir alimentos que me satisfaçam e sejam nutritivos. É importante se cuidar, afinal, o tempo passa", constata ela. E o pique do trabalho também colabora. Além de divulgar o longa, Naura produz o documentário Silêncio das Inocentes, que também enfoca o tema da violência contra a mulher, capta recursos para o filme Aluga-me Para Amar e produz a peça Dores, Amores e Assemelhados, em que também atua, com estréia em dezembro.

Mais Notícias

sexta 7 novembro, 2008
sexta 7 novembro, 2008
quinta 6 novembro, 2008
por por Carlos Lima Costa e Cibele Costa
Atualizado sexta 7 novembro, 2008 (117816) | 22/01/2019 11:27:38

Mais conteúdo sobre:

CARAS Recomenda

  1. Evolução da sífilis: quando se deve buscar ajuda?
  2. Sífilis na gestação e sífilis congênita
  3. A sífilis assusta, mas a infecção tem cura!
  4. Saiba tudo sobre a prevenção da sífilis!

Receba em Casa

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Anitta rebola muito em gravação de novo clipe com Kevinho
  2. 2 Evolução da sífilis: quando se deve buscar ajuda?
  3. 3 Ana Hickmann exibe buffet gigantesco para festa do filho
  4. 4 Perfil de Mc Melody no Instagram é retirado do ar
  5. 5 Graciele Lacerda flagra Zezé Di Camargo lavando louça
  6. 6 Hugo Moura flagra Maria Flor tendo atitude fofíssima
  7. 7 Gretchen desabafa na web: ''Idade chega para todos''
  8. 8 Paula Fernandes toma sol de topless e recebe elogios
  9. 9 Luan Santana surge de shorts branco e causa alvoroço na web
  10. 10 Quarto 7 Desafios vira piada na internet: ''Sem graça''