Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Poderoso encontro pelo bem mobiliza NY

Angélica, Alessandra Ambrosio, Valentino e Luciana Gimenez aplaudem Luciano Huck e Andrea Dellal

Redação Publicado em 27/09/2011, às 17h39 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Luciano Huck e Angélica de Carlos Miele, Alessandra Ambrosio de Valentino, Valentino Garavani e
Andrea Dellal de Valentino, Luciana Gimenez de Kaufmanfranco - Luiz Ribeiro
Luciano Huck e Angélica de Carlos Miele, Alessandra Ambrosio de Valentino, Valentino Garavani e Andrea Dellal de Valentino, Luciana Gimenez de Kaufmanfranco - Luiz Ribeiro

Mais respeitada festa da comunidade brasileira em Nova York, a gala anual da BrazilFoundation reuniu em sua nona edição um esquadrão do bem poderoso e à altura do local escolhido para o evento, a Biblioteca Pública da cidade, templo da literatura com mais de 50 milhões de exemplares. Personalidades da música, moda, esporte e cultura, além de empresários, exaltaram o pioneirismo da entidade filantrópica, que arrecada fundos nos Estados Unidos e investe em projetos sociais no Brasil. Os aplausos foram também às iniciativas de três exemplares cidadãos, Bernardo Paz (61), fundador do Instituto Inhotim; Luciano Huck (40), diretor-presidente do Instituto Criar; e Renata de Camargo Nascimento, presidente do Conselho da Comunitas. O cineasta Carlos Saldanha (43), responsável pelo blockbuster da animação Rio, foi laureado com o troféu Brasileiro Global.

À frente dos preparativos da festa como chair e co-chair, Andrea Dellal (53) e Nizan Guanaes (53) não cabiam em si. “O sucesso desta noite se deve ao esforço de um time que batalhou muito nos últimos meses. É aquela velha história da corrente pra frente, vamos Brasil! Somos uma só nação e precisamos ajudar uns aos outros”, enfatizou ela. “Parabéns a todos os envolvidos nesta noite e em especial ao trio espetacular de homenageados”, disse Nizan, chairman do Grupo ABC.

Enquanto o patriotismo figurava como tema central nos animados bate-papos, glamour era a palavra-chave no tapete vermelho. “Hoje eu sou só a mulher do homenageado, os flashes são para ele!”, disparou a apresentadora Angélica (37), radiante em tomara que caia turquesa. “Estive com Carlos Miele e pedi para usar um look da coleção que ele desfilou na semana de moda. Em um evento tão brasileiro, eu tinha de prestigiar um talento nosso”, acrescentou a loira. Isabela Scarpa, mulher de Saldanha, Donata Meirelles (42), musa de Nizan, Luisa Moraes (25), Kelly Piquet (22) e Maria Carolina Tavares de Melo (32), também investiram em modelitos made in Brazil.

Mas a grande parte das convidadas circulou com longos assinados por ninguém menos que o italiano Valentino Garavani (79), ícone da alta-costura que, a pedido da amiga Andrea Dellal, entregou o Tributo de Filantropia Internacional à top model russa Natalia Vodianova (29), idealizadora da The Naked Heart Foundation, dedicada a crianças carentes de seu país natal. Alessandra Ambrosio (30), Ana Beatriz Barros (29), Jeísa Chiminazzo (26), Fernanda Motta (30), Schynaider Moura Garnero (23), Marcelle Bittar (29), Paula Bezerra de Melo (30) e Isabeli Fontana (28) — sempre grudada ao novo amor, Rohan Marley (39) — usaram modelitos exclusivos do mestre e entregaram seus segredos para fazer bonito em um red carpet tão concorrido. “Escolher uma roupa com a qual você se sinta confortável e poderosa é a melhor dica”, ensinou Alessandra. “O meu vestido é um vintage, chique né? Você tem de começar se achando o máximo, uma mulher linda e maravilhosa. De resto, faça aquele carão de diva e fica tudo certo”, brincou Fernanda. “Meu segredo, na verdade, são quatro: bom maquiador, bom cabeleireiro, bom vestido e muita atitude positiva”, disse Ana Beatriz, deslumbrante.

Após fino jantar, Ronaldo Nazário (35) subiu ao palco e incentivou doações: leiloou camisa da Seleção autografada, arrebatada por Erika dos Mares Guia (39), por 30000 reais, e brincou com Valentino. “Agora fiquei até nervoso”, confessou o craque, lembrando que o estilista fez o vestido de noiva da ex, Daniella Cicarelli (33). Logo depois, Preta Gil (37) incendiou a plateia com pocket show. Criadora da BrazilFoundation, Leona Forman (70) compartilhou a realização com Patricia Lobaccaro (40), atual CEO. “Arrecadamos mais de 1.6 milhões de dólares”, vibrou Leona.