Ticiane Pinheiro: ajuda da vovó e babá

A mamãe Ticiane Pinheiro já alcançou a fase em que pode voltar tranquila ao trabalho. A vovó Helô Pinheiro e a babá Marlene estão sempre por perto: 'Sei que a Rafaella está bem cuidada'


por Thayana Nunes

Publicado domingo 9 maio, 2010

A mamãe Ticiane Pinheiro já alcançou a fase em que pode voltar tranquila ao trabalho. A vovó Helô Pinheiro e a babá Marlene estão sempre por perto: 'Sei que a Rafaella está bem cuidada'
Ticiane Pinheiro, Roberto Justus e a pequena Rafaella - Reprodução
Pouco a pouco, Ticiane Pinheiro volta ao trabalho. A mamãe de Rafaella, de 9 meses, fruto de seu casamento com o empresário e apresentador da atração 1 Contra 100, do SBT, Roberto Justus, grava participações no programa Tudo É Possível, ao lado da top e apresentadora Ana Hickmann. Mas nada de perder de vista os cuidados com a filha. "Essa fase é incrível! Ela já sabe o que quer, é determinada, mas bem calminha", conta a mamãe de primeira viagem, que tem a ajuda da vovó coruja Helô Pinheiro, e da babá Marlene. "Elas sempre me ajudam a cuidar da Rafa quando preciso me ausentar por causa do trabalho ou de uma viagem", revela em conversa com o Portal CARAS. Tici fala também sobre um dos momentos mais inesquecíveis de sua infância e da educação que recebeu da mãe, valores que quer passar para a filha. "Quero educar a Rafaella exatamente do jeito que minha mãe me educou". Confira trechos da conversa com Ticiane Pinheiro para o Especial Dia das Mães: - O que é ser mãe para você? - Ser mãe é conhecer o amor eterno, o amor incondicional, o verdadeiro amor. - Qual o melhor momento que você tem com a Rafaella? - Estar junto dela na pequenas coisas do dia a dia, na hora do banho, dar o almoço, acompanhar o desenvolvimento dela, isso tudo é de um valor imenso. Nos dias mais quentes, levo a Rafa para passear no parque. É uma delícia! - Tem a ajuda de babás? - A Marlene é uma enfermeira-babá que está comigo desde que a Rafaella nasceu. Ela me ajuda bastante, apesar de eu quero fazer tudo! Mas sempre que preciso trabalhar, sei que a Rafaella está bem cuidada. - E como está conciliando o trabalho e os cuidados com a pequena? - Ainda não entrei na rotina pesada de trabalho, estou pegando leve. Agora que a Rafaella já está com 9 meses, me sinto mais segura para voltar à rotina. E fico tranquila, porque tenho a Marlene e minha mãe que sempre me ajudam a cuidar dela quando preciso me ausentar a trabalho ou em viagem. - Sua mãe parece que é uma vovó muito presente. Quais valores você aprendeu com ela que quer passar para a sua filha? - Quero educar a Rafaella exatamente do jeito que minha mãe me educou. Ela me deu muita liberdade, mas com responsabilidade. - Hoje tudo é muito diferente, as brincadeiras são outras, os tempos são outros. O que você acha sobre isso? Fica ansiosa sobre como será a infância da Rafaella? - Gostaria de educar a Rafaella com brinquedos mais educativos. Não quero que ela seja muito ligada em computador, videogames... Não proibirei nunca, mas mostrarei a ela brinquedos simples e lúdicos de verdade. - E qual foi o momento mais inesquecível da sua infância? - Foram vários... Adorava fazer shows e teatro com minhas primas em cima da mesa de sinuca para a família inteira assistir. As férias no Rio, na casa da minha avó, com a família inteira reunida, também reúnem lembranças deliciosas. O momento mais marcante foi quando eu passei no teste para apresentar o Balão Mágico no lugar da Simoni. Eu tinha 7 anos e realizei meu sonho.

Último acesso: 06 Jul 2020 - 17:53:03 (144679).