Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Alexandre Pires agita o público no primeiro show da turnê Eletrosamba

Felipe Pinheiro Publicado em 21/07/2012, às 00h32 - Atualizado em 19/03/2020, às 15h12

Alexandre Pires apresenta a turnê Eletrosamba em São Paulo - Manuela Scarpa / Photo Rio News
Alexandre Pires apresenta a turnê Eletrosamba em São Paulo - Manuela Scarpa / Photo Rio News
Alexandre Pires realizou na noite desta sexta-feira, 20, o primeiro show da turnê Eletrosamba, que irá correr o Brasil nos próximos meses. Em seu camarim, o cantor falou com exclusividade para a CARAS Online do projeto que traz músicas clássicas e inéditas executadas por um DJ. "Esse foi o melhor show que já fiz em São Paulo”, celebrou

Alexandre Pires (36)animou o público no show de estreia da turnê Eletrosamba na noite fria desta sexta-feira, 20, no Credicard Hall, em São Paulo. Pontual, o cantor subiu ao palco no horário previsto, às 22h30, e colocou a multidão para dançar logo na primeira música – Eu Sou o Samba.

Na apresentação, o ex-vocalista do Só Pra Contrariar mostrou o talento multifacetado que o consagrou nacional e internacionalmente. “O Alexandre é especial porque, para mim, ele é um artista completo: dança, canta e sapateia. Ele faz tudo e ainda tem uma voz maravilhosa”, observou a cantora Sula Miranda (48).

No repertório, o astro mesclou a sua balada com clássicos da carreira – como Sai da Minha AbaMineirinho -  mais canções inéditas – entre elas, o atual hit A Chave do Seu Perdão e Destaque na Favela.  Conduzido por um DJ, Alexandre levou o seu som com a alegria e desenvoltura que lhe são características. “Já há alguns anos venho querendo fazer um trabalho com uma mistura de música eletrônica com o som que eu faço que é o samba e o pagode. Fizemos várias experiências antes desse projeto porque não é fácil você sincar tudo: o som do samba disparado pelo próprio DJ e, ao mesmo tempo, a nossa banda tocando. Deu certo, graças a Deus”, festejou a estrela da noite.

Sem deixar de surpreender, Alexandre ainda realizou uma homenagem ao Dia Internacional do Rock, que foi comemorado em 13 de julho. O músico cantou ícones do ritmo no Brasil, como hits de Cazuza (1958-1990), Legião Urbana e Lulu Santos (59). Em um dos momentos de maior emoção, o público fez coro na canção Não Deixe o Samba Morrer, famosa na voz de Alcione (64). Em Sonhei e Acordei, a mãe do cantor, Abadia Pires (51), dividiu o palco com o astro. “Ele me convidou e eu gostei porque ficou um ambiente bem familiar. Desde pequena minha família é da música”, comentou Abadia.

A reação positiva da plateia indicou para Alexandre que ele está no caminho certo. No camarim após a performance, ele falou com exclusividade à CARAS Online: “Estou muito feliz, foi uma energia maravilhosa, uma coisa inesquecível que vou guardar no fundo do meu coração. Às vezes as pessoas perguntam qual show foi o melhor e, para mim, esse foi o melhor show que já fiz em São Paulo”.

Visita da cegonha

Em meio a intensa agenda de divulgação do novo projeto, que deve ser apresentado também no exterior – em países como Portugal, Estados Unidos, Espanha e o continente africano -, o mineirinho ainda pretende, para este ano, ganhar mais um filho.

“A intenção é seguir trabalhando e namorando, porque não sou santo também (risos). Estamos com cautela agora, até porque o momento é de muita correria, mas temos a intenção de aumentar a família. Pode ter certeza que vocês vão ter boas notícias num futuro muito próximo”, afirmou.

Mas e a cegonha, ela já veio? “Ainda não veio. Por enquanto estamos brincando (risos)”, garantiu ele, que tem com a esposa Sara Campos (26) os herdeiros Arthur (3) e Júlia (1).