Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Roger Federer, segundo melhor tenista do mundo, enfrenta o 8º do ranking em São Paulo

Após bater bola com Serena Williams no MASP, em São Paulo, Roger Federer, segundo melhor tenista do mundo e protagonista do Gillette Federer World Tour, enfrenta o francês Jo-Wilfried Tsonga, 8º do ranking, neste sábado, 8, no parque do Ibirapuera

Redação Publicado em 08/12/2012, às 15h01 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Roger Federer durante o Gillette Federer Tour - Marcelo Ferrelli/Inovafoto
Roger Federer durante o Gillette Federer Tour - Marcelo Ferrelli/Inovafoto

Neste sábado, 8, Roger Federer (31) entra em quadra pela terceira vez desde o início do Gillette Federer Tour, torneio aberto que começou na quinta-feira, 6, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. O tenista, que atualmente ocupa a 2ª colocação no ranking da ATP, enfrentará o francês Jo-Wilfried Tsonga (27) após às 21h.

O Gillette Federer Tour, torneio de exibição que não conta pontos para o ranking da ATP, trouxe Roger Federer ao Brasil pela primeira vez. Além do suíço, considerado o maior tenista de todos os tempos, o evento reuniu grandes nomes do esporte como Thomaz Bellucci (24), Victoria Azarenka (23), Maria Sharapova (25), Serena Williams (31) e Caroline Wozniacki (22), além das duplas Bob (34) e Mike Bryan (34) e Marcelo Melo (29) e Bruno Soares (30).

Chegada ao Brasil e 1º dia de torneio

Roger Federer chegou ao Brasil na terça-feira, 4, e, no dia seguinte, participou do jantar de gala do evento. Na manhã de quinta-feira, 6, o tenista suíço concedeu a primeira entrevista coletiva e seguiu para o Mercado Municipal, onde experimentou o pastel de bacalhau e o tradicional sanduíche de mortadela. No fim do dia, ele entrou em quadra pela primeira vez em SP e enfrentou o brasileiro Thomaz Bellucci, mas foi derrotado por 2 sets a 1.

Antes do duelo entre Federer e Thomaz, os irmãos Bob e Mike Bryan derrotaram os brasileiros Marcelo Melo e Bruno Soares por 2 sets a 1.

2º dia de torneio

Foi o dia mais tranquilo para Roger Federer, que não entrou em quadra e pôde visitar uma comunidade carente, que tem o apoio da CUFA (Central Única das Favelas), na zona sul de São Paulo, onde mostrou suas habilidades no futebol ao bater pênaltis com as crianças. Ele ainda entregou R$ 11 mil para a instituição, quantia arrecada com o leilão de uma camisa e de uma raquete que doou.

À noite, foi a vez das meninas entrarem em quadra. Maria Sharapova e Caroline Wozniacki, ex-número 1 do mundo, se enfrentaram, mas quem levou a melhor foi a russa, que derrotou a dinamarquesa por 2 sets a 0. A partida seguinte foi entre Bellucci e o estreante no torneio, Jo-Wilfried Tsonga, que levou a melhor e venceu o brasileiro por 2 a 0.

3º dia de torneio

Neste sábado, 8, penúltimo dia de torneio, Roger Federer enfrenta Jo-Wilfried Tsonga em partida marcada para às 21h. Antes do duelo, Maria Sharapova joga contra Victoria Azarenka, às 17h.

Porém, como aquecimento para a partida, Federer bateu bola com Serena Williams no MASP, nesta manhã e, em seguida, os tenistas deram autógrafos aos fãs presentes.

Eventos paralelos

Além das partidas entre os grandes nomes do tênis e as ações em diversas partes da cidade, os atletas estão ministrando clínicas para os interessados pelo esporte. Famosos como Luigi Baricelli (41) e Felipe Andreoli praticaram tênis nas clínicas por algumas horas.