Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Reconhecimento e brilho no Prêmio Extra

Claudia, Barbara, Carol, Cissa e Torloni em evento que elege Melhores de 2009

Redação Publicado em 08/12/2009, às 20h16 - Atualizado em 09/12/2009, às 01h17

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
A festa dos ganhadores: o ator Marco Pigossi com Marcos e Bel, integrantes do grupo Calcinha Preta, Rodrigo Cebrian, diretor do Caldeirão do Huck, Lúcio Mauro Filho, Paulinha, Ana e Silvana, do Calcinha Preta, Gloria Perez, Danilo Gentilli, do CQC, Bruno - CAROL FEICHAS/4COM FOTOGRAFIA E IVAN FARIA
A festa dos ganhadores: o ator Marco Pigossi com Marcos e Bel, integrantes do grupo Calcinha Preta, Rodrigo Cebrian, diretor do Caldeirão do Huck, Lúcio Mauro Filho, Paulinha, Ana e Silvana, do Calcinha Preta, Gloria Perez, Danilo Gentilli, do CQC, Bruno - CAROL FEICHAS/4COM FOTOGRAFIA E IVAN FARIA
A beleza e a elegância das estrelas e a novela Caminho das Índias se destacaram na noite de gala que homenageou os melhores de 2009, eleitos por voto popular, na cerimônia de entrega do Prêmio Extra de Televisão, promovida pelo jornal carioca, no Vivo Rio. A trama de Gloria Perez (61) ganhou oito das nove categorias que disputou e a autora foi ainda a grande reverenciada da noite, pelo conjunto da obra. Empolgada com o reconhecimento, Christiane Torloni (52), que anunciou o Prêmio de Melhor Novela para a produção da qual participou, admitiu que estava com muita vontade de rever os amigos. "Vivemos um momento de várias premiações. Isso faz bem para a autoestima do artista", refletiu, referindo-se à láurea semelhante conquistada há duas semanas em Nova York, no Emmy Awards Gala, considerado o Oscar da TV mundial. Com um longo estampado que lembrava o glamour da personagem Melissa, Torloni, após descer do palco, abraçou Cissa Guimarães (52), sua colega em Caminho das Índias, que optou por vestido rendado curto. "Elegância é sentir-se bem. Não gosto de nada muito apertado. Achei melhor investir em um bom sapato", contou ela, com um Armani nos pés. Além do reconhecimento profissional, Cissa contou que estava realizada com a chegada do primeiro neto, José (4 meses), filho do seu primogênito, Thomaz (31). "Estou apaixonada pela vida desde que ele chegou", derreteu-se. Concorrendo a Melhor Atriz Coadjuvante, Bárbara Borges (30), que perdeu a disputa para Dira Paes (40), encarou o resultado com esportividade. Com longo rosado, recebeu como se fosse um troféu os elogios à sua elegância feitos até pelo mestre-de-cerimônias Lúcio Mauro Filho (35). "Gosto de roupas que valorizam a feminilidade", destacou Bárbara, no ar em Bela, a Feia. Já a atriz Claudia Ohana (46) apostou em um look tomara-que-caia comprado em Los Angeles com brincos H. Stern, um presente do namorado, o diretor José Lavigne (52), que concorreu com o programa Casseta & Planeta, Urgente! ao prêmio de Melhor Humorístico, vencido pelo CQC. "Adoro me maquiar e me produzir para festas. Se não estiver bem, prefiro nem sair de casa. Hoje, comecei a pensar a roupa pelos brincos", ensinou. Seguindo a mesma linha, Carol Castro (25), que apresentou a categoria Melhor Série, vencida por Maysa - Quando Fala o Coração, preferiu um vestido de um ombro só. Casada há cinco meses com o ator Marco Bravo (28), ela falou sobre a nova fase. "Amadureci muito com a vida a dois. É uma delícia!", assegurou. Premiado como Melhor Ator Coadjuvante, pelo Tarso de Caminho das Índias, Bruno Gagliasso (27) era um dos mais emocionados. "A novela serviu para abrir muitas portas, principalmente para quem sofre de esquizofrenia", ressaltou, antes de dedicar a conquista à família "que está construindo" com Giovanna Ewbank (23). Na categoria Melhor Atriz, Letícia Sabatella (37) chorou ao receber seu troféu. "Gostaria de dedicar o prêmio a uma pessoa que, se estivesse aqui, vibraria muito: Mara Manzan", lembrou, homenageando a companheira morta no mês passado. Após roubar a cena como o indiano Raj, Rodrigo Lombardi (33) foi eleito Melhor Ator. "Dedico ao Tony Ramos, que me ensinou muito", agradeceu. Definida como uma guerreira, Gloria Perez recebeu um Prêmio Extraordinário por sua trajetória. "Foi um ano de muitos sustos, como o câncer que tive, mas de alegria também. É muita emoção! Mais uma vez pus minha cara a tapa e falei sobre as minorias. Essa já era minha marca e não vou parar", refletiu, ao lado da mãe, Maria Augusta (87): "Minha filha é uma vencedora. Tenho muito orgulho." No papel de mestre-de-cerimônias, Adriane Galisteu (36) protagonizou um dos momentos mais divertidos da noite ao comentar no palco sobre o ex-namorado Dado Dolabella (29). "Ele tem cara de tudo, menos de pai!", brincou a apresentadora da Band. Com a mulher, a publicitária Viviane Sarahyba (26), grávida de nove meses de João Valentim, Dado, rindo, retrucou. "Fiz quatro pais em novelas e já troquei muita fralda. Acho que já estava bom de laboratório. Estou doido para pegar meu filho no colo. Quero passar o Natal limpando bundinha de bebê", disse ele ao lado da atriz Miryan Martin (37), grávida de três meses do empresário Jorge Bugarin (44).