Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Princesa Charlene estaria em depressão antes de ter filho legítimo de príncipe Albert II

Princesa Charlene, de Mônaco, quer dar um herdeiro legítimo para príncipe Albert II em breve para poder pedir o divórcio

Redação Publicado em 04/05/2012, às 17h06 - Atualizado em 20/06/2012, às 21h55

Princesa Charlene e príncipe Albert II - Getty Images
Princesa Charlene e príncipe Albert II - Getty Images

A princesa Charlene (34), mulher do príncipe Albert II (54) de Mônaco, estaria em depressão por não conseguir engravidar logo. Após tentar fugir 3 vezes antes de seu casamento no ano passado e ter tido até o seu passaporte retido, ela estaria tentando dar um herdeiro para a família real para então conseguir cumprir um “acordo secreto para libertá-la do casamento”, afirmou o tabloide Daily Mail.

De acordo com a publicação, Charlene tem que dar um filho legítimo para Albert, já que ele tem filhos de relacionamentos anteriores. Essa imposição teria sido feita na época em que ela tentou fugir antes do casamento após descobrir que o futuro marido poderia ter um terceiro filho ilegítimo. “Charlene fez com que o assunto gravidez virasse um tabu no palácio real. Ela pode ter um sorriso nos eventos oficiais, mas por dentro está estressada e frustrada”, disse uma fonte.

Alguns boatos dizem que ela e o príncipe teriam feito um acordo de que assim que ela der um herdeiro ao trono de Mônaco, poderá pedir o divórcio quando quiser. “Charlene vai dar um herdeiro, então, se não ficarem bem, ela poderá receber o divórcio”, comentou uma fonte.

Príncipe Albert já é pai de Alexandre (7), do relacionamento com Nicole Coste, e de Jazmin (20), com Tamara Rotola.