Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Arquivo / Dossie Vip

Perfil Vip: Astrid Fontenelle

Redação Publicado em 02/12/2009, às 18h01 - Atualizado em 08/12/2009, às 18h36

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Perfil Vip Astrid Fontenelle
Perfil Vip Astrid Fontenelle
Qual o maior mico que já pagou? Mico grande, de me envergonhar não lembro... Acho que tenho um certo semancol. Mas nos tempos de TV aberta devo ter me metido em alguns... Qual foi a grande virada na sua vida? O nascimento do meu filho, Gabriel, sem dúvidas. O que a faz rir? Muita vezes rio de mim mesma. Mas a risada do meu filho é irresistível. Pesadelo: Graças a Deus não tenho... Mas tenho medo de não ter grana pra educar meu filho dignamente, por isso trabalho com mais tesão ainda. Sonho: Sonhos lindos com meu filho crescendo e meu namorado. E tenho um sonho de morar numa praia. Ídolo de beleza: Acho que a Gisele Bündchen é imbatível e quando ficar mais velha ficará mais linda ainda. Ídolo de competência: Conheço gente muito competente, meu namorado, por exemplo, é danado! Se não fosse apresentadora, que outra profissão teria? Acho que seria atriz. O Ronald Golias vivia me dizendo que eu deveria largar de ser apresentadora para ser atriz.... Ossos do ofício: Estar sempre bem disposta, maquiada e com cabelo tingido! Religião (ou Fé): Católica. E apaixonada pelo Candomblé. Tem algum amuleto? Vários. Desde uma tatuagem nas costas que é uma estrela de David, as minhas contas do Candomblé, olho grego no espelho retrovisor, fitinha do Bonfim vermelha no meu pulso e no tornozelo do meu filho, até uma imagem de Nossa Senhora na minha cabeceira. Dou boa noite para ela antes de dormir agradecendo e pedindo para ela zelar pelo meu filho junto comigo! Política: É um jogo que eu não me candidataria a jogar. Mas mesmo assim fazemos política no nosso dia a dia também, e tenho feito melhor. Pecado da gula: Chocolate! Mania: Tenho não! Como vencer o estresse? Banho de água morna, bons pensamentos e silêncio. Meditação. Indignação: Com a ganância dos políticos e com abuso de poder. Aplauso: Pra quem é generoso de verdade. Pra quem ajuda ao próximo... Saudade: Da minha mãe. Cheiro gostoso: Patchouli. Lembrança do primeiro amor: Dos beijos na boca! (risos) Sexo na primeira vez: Foi rápido. Música da sua vida: Muitas, de verdade... Mas nesse momento é Corcovado, do Tom Jobim. Se fosse um bicho, qual seria? Um golfinho de Fernando de Noronha. Coleção: De biquínis e de corações, mas tive de relicários. Cobiça: A palavra não tem nada haver comigo. Quero apenas uma vida honesta e cheia de amor com a minha família. Qual o seu objeto de maior valor de estimação? Um crucifixo da minha mãe e que foi da mãe dela e minha aliança. Amo! Imagem marcante: Do meu filho na primeira vez que peguei ele no colo. Inigualável: Amor de mãe! Mas a Hebe (Camargo) é inigualável, né não?